Apenas por Tempo Limitado - Economize até 69 %

05

dias

:

17

horas

:

12

minutos

:

04

segundos

Blog do Zyro

Todos os tópicos
Blog de e-Commerce Design Dicas para Pequenas Empresas Essenciais Ideias de Negócio Insights do Zyro Inspiração Marketing Novidades do Zyro

Fontes de Renda Passiva para Ganhar Dinheiro em 2021

Como gerar renda passiva

Existem várias ideias de renda passiva para quem tem o objetivo de trabalhar menos horas por dia (ou até mesmo parar de trabalhar totalmente) e para quem quer gerar renda extra para complementar o salário. Em qualquer desses cenários, não há dúvidas de que sua conta bancária ficaria mais alegre com alguns reais a mais, não é mesmo?

Nem sempre a melhor estratégia para ganhar dinheiro é trabalhar mais. Na verdade, existem muitas fontes de renda passiva que não exigem que você invista muito tempo no projeto.

Então, se você quer aprender como gerar renda passiva, veio ao lugar certo. Neste texto, vamos listar várias estratégias que você pode seguir.

1. Crie uma loja virtual

À primeira vista, gerenciar uma loja virtual pode parecer uma operação muito complicada. Mas administrar um e-commerce de pequeno ou médio porte não precisa necessariamente tomar todo o seu tempo.

Uma loja virtual pode não ser exatamente uma renda passiva, porque você ainda vai precisar trabalhar para entregar todos os produtos aos clientes. Porém, investir em uma loja escalável é uma das melhores formas de ganhar dinheiro na internet.

E se a ideia de ter uma loja virtual te agrada, você pode usar uma plataforma confiável como o Zyro para montar seu e-commerce.

2. Tenha um blog

Ter um blog é o jeito perfeito de transformar suas paixões em lucro. Independente do seu assunto de interesse, provavelmente existe um público que quer ler sobre ele.

No curto prazo, um blog é uma forma de expressar suas ideias com o mundo.

A longo prazo, quando você já tiver conquistado um tráfego volumoso, o blog pode ser uma ótima fonte de renda extra.

3. Crie um curso online

Essa estratégia é para os especialistas que querem transformar seus conhecimentos em dinheiro.

Diferente de aulas particulares e de cursos convencionais, os cursos online só precisam ser gravados uma vez e podem ser acessados a qualquer momento por alunos do mundo inteiro.

Você pode compartilhar conhecimento sobre praticamente qualquer área. De ensinar iniciantes sobre o básico do piano a dar aulas de engenharia aeroespacial – todo isso pode ser transformado em cursos digitais. Seu conhecimento e experiência são o produto.

4. Venda produtos digitais

No primeiro item desta lista, indicamos que vender produtos em uma loja virtual é uma das melhores fontes de renda passiva da internet. Outra boa notícia é que, além dos produtos físicos, você também pode escolher vender produtos digitais (mídias que as pessoas consomem diretamente pelo celular ou computador).

A maioria dos produtos digitais podem ser vendidas na forma de downloads. Estes são alguns exemplos:

  • e-Books
  • Software
  • Músicas e áudios
  • Arte digital, ilustrações e peças gráficas
  • Fotografias
  • PDFs

O processo de venda de um produto digital é bem parecido com a venda de produtos físicos na internet. A diferença é que, ao invés de enviar a mercadoria pelo correio, o cliente recebe um link para fazer download do item adquirido.

5. Marketing de afiliados

O marketing de afiliados funciona assim: você (o criador de conteúdo) envia visitantes para o site de empresas parceiras (as anunciantes) e fica com uma porcentagem do valor que esses visitantes fizerem em compras.

Você pode ser um afiliado se tiver um blog, podcast, canal de YouTube ou simplesmente uma lista de contatos potente em seu email. Tudo que você precisa para lucrar com o marketing de afiliados e de tráfego.

Empresas dos mais diversos ramos criam esse tipo de programa, então você poderá escolher o nicho de mercado que mais combinar com seu conteúdo e for mais promissor.

6. Guarde seu dinheiro em contas digitais que rendem

Hoje em dia a poupança já não rende muito. Se você quer guardar seu dinheiro em um local seguro, que permita saque emergencial a qualquer momento e ainda gere mais lucro que a poupança, os bancos digitais podem te agradar.

Na maioria desses bancos, você pode criar um cadastro pelo celular ou computador em questão de minutos. Depois, é só transferir seu dinheiro para sua nova conta. Bancos como o PagBank, o Original e o Nubank pagam 100% do CDI sobre o valor depositado na sua conta.

Essa é uma das melhores fontes de renda passiva para quem está guardando dinheiro para emergências e gostaria que o valor parado na conta gerasse um pequeno lucro.

7. Invista em fundos indexados

Os fundos indexados são pacotes de investimento que contém ações de várias empresas (geralmente, das empresas mais negociadas ou melhor avaliadas da bolsa). As ações que fazem parte do pacote são fixas – ou seja, o investidor não pode escolher quais colocar no portfólio.

O lucro gerado pelo fundo vai depender do desempenho de todos esses papeis durante o ano. Os fundos indexados são uma das formas mais seguras e acessíveis de investir em ações.

E, diferente dos fundos de investimento ativos, você geralmente não precisa ter conta em corretoras e pagar taxas de corretagem para investir em títulos indexados. Isso barateia muito o processo.

8. Venda itens usados nas redes sociais

Mesmo que algumas redes sociais não tenham um marketplace integrado (como o Facebook e o Instagram têm), elas ainda vão oferecer acesso a muitas pessoas que podem estar interessadas nas suas mercadorias de segunda-mão.

Se você está procurando fontes de renda passiva mais modestas, que não tragam lucros astronômicos, procure no seu guarda-roupas itens que você não usa, mas que estão em bom estado e podem interessar outras pessoas.

Algumas pessoas embolsam um lucro decente comprando itens usados em brechós (às vezes fazendo pequenas reformas e consertos nesses itens) e revendendo nas redes sociais.

9. Crie um canal no YouTube

Se você tem conhecimento a compartilhar, ideias de conteúdos inovadores, ou simplesmente quer criar vídeos engraçados, o YouTube pode ser o lugar certo para você.

Criadores de sucesso ganham dinheiro permitindo que a plataforma inclua anúncios antes, depois ou durante seus vídeos. Outras formas de lucrar fazendo vídeos são: parcerias com patrocinadores, marketing de afiliados e venda de produtos próprios.

Se você conseguir fazer seu número de seguidores crescer bastante e se tornar um influenciador, vai poder ganhar muito dinheiro recebendo produtos e patrocínio de grandes marcas.

10. Publique seu podcast

Os podcasts ganharam muita popularidade nos últimos cinco anos, conquistando milhões de pessoas interessadas em análise política, teorias da conspiração, histórias de crimes reais, entrevistas e muitos outros tópicos.

Há podcasts de sucesso cobrindo os mais diversos assuntos – isso que mostra que existem muitos nichos e públicos interessados nesse tipo de conteúdo.

Uma similaridade entre os podcasts e canais de YouTube é que, nos dois casos, você precisa ativamente monetizar seu conteúdo (ou seja: seus episódios não vão gerar dinheiro automaticamente).

11. Insira anúncios no seu carro

Tem um carro? Sabia que ele pode ajudar você a gerar renda passiva?

Seu veículo pode se tornar um pequeno outdoor para marcas interessadas em ter mais visibilidade na sua cidade. Nesse negócio, tudo que você precisa fazer é inserir um anúncio no seu carro – pode ser um adesivo no vidro traseiro, uma placa de led sobre o capô ou flyers atrás dos bancos 

Empresas como a Kinsta são especializadas em conectar motoristas de grandes cidades a marcas que precisam de publicidade. Com o app, quando mais KM rodados, mais dinheiro você ganha.

Se você for motorista de aplicativos, há ainda mais opções. A plataforma Mobees e a empresa VidroTraseiro oferecem renda extra para motoristas que queiram exibir anúncios na área externa do carro.

12. Alugue espaços no Airbnb

Tem um quarto ocioso na sua casa? Que tal alugá-lo para viajantes usando a plataforma do Airbnb?

Propriedades localizadas em áreas muito procuradas podem cobrar bastante dinheiro pela diária. Se sua casa ou apartamento fica em um local badalado assim, mesmo que você só possa alugar o quarto por alguns poucos dias no mês, a renda gerada pode ser bem alta.

A maior vantagem de alugar pelo Airbnb é que você pode escolher as datas nas quais quer receber hóspedes. Quando você quiser ficar com a casa toda para você, é só excluir as datas no seu perfil.

Você pode até alugar sua casa nas férias, quando for viajar para outras cidades. Ou seja, você pode gerar renda passiva literalmente enquanto descansa.

13. Alugue sua garagem

Se você não tem um quarto extra para alugar via Airbnb, mas tem uma vaga de garagem disponível ou espaço seguro em seu quintal, saiba que esse tipo de área também pode se tornar uma fonte de renda.

Alugar sua vaga de garagem não rende tanto dinheiro quanto o aluguel de quartos para turistas, mas é uma forma de gerar renda passiva sem precisar fazer muito esforço.

Você pode anunciar a vaga disponível no grupo de WhatsApp do seu condomínio e nas redes sociais.

14. Crie um app

Essa é uma ideia que exige muito tempo, experiência e investimento (com certeza a mais exigente entre as ideias de renda passiva que apresentamos nesta lista). Porém, ela é a estratégia com mais potencial de te render milhões de reais.

Existem muitas formas de monetizar um app – como exibir anúncios e cobrar assinatura mensal ou anual dos usuários.

Escrito por

Avatar do autor

Jeisy Monteiro

Jeisy é dedicada a pesquisar e escrever sobre como pequenos e médios negócios podem crescer na internet de forma sustentável. Ela publica sobre criação de sites, empreendedorismo digital, tecnologia e e-commerce no blog do Zyro. No tempo livre, coleciona cassettes.

Faça parte da conversa

Seu email não será publicado. É obrigatório preencher todos os campos.