Promoção de Fim de Ano: ATÉ 87 % OFF

+ Ganhe domínio GRÁTIS por 1 ano

A oferta termina em:

05 :

03 :

31 :

14

Saiba o Que é Marketing de Afiliados e Como Você Pode Fazer Parte

Muitos de nós sonhamos em ter um investimento estável que traga dinheiro todo mês e se torne nossa fonte principal de renda ou, quem sabe, um jeito de ganhar uma grana extra. Se esse é seu sonho, então você tem que saber o que é marketing de afiliados.

Quando feito do jeito certo, o marketing de afiliados pode se tornar um esquema que você configura apenas uma vez e mesmo assim traz resultados todo mês, sem que você precise fazer mais nada. Ao invés de levantar cedo todo dia para trabalhar, você pode descansar tranquilamente, sabendo que o dinheiro vai cair na sua conta mesmo assim.

Dito isso, embarcar no mercado do marketing de afiliados exige trabalho e planejamento estratégico. Muitas das pessoas mais bem-sucedidas na área do marketing de afiliados são super competitivas, e você vai precisar usar sua inteligência se quiser alcançar o sucesso.

Neste guia sobre o que é marketing de afiliados, vamos te apresentar aos conceitos fundamentais do marketing de afiliados, mostrar como criar seu negócio na área e te oferecer todas as ferramentas que você precisa para ser bem-sucedido no mundo do marketing de afiliados.

O que é marketing de afiliados e como ele funciona?

O marketing de afiliados é uma maneira inteligente de ganhar dinheiro na internet e, às vezes, também pode ser uma forma rápida de ganhar esse dinheiro.

De forma bem simplificada, o marketing de afiliados envolve uma terceira parte (o afiliado) ganhando uma comissão sobre as vendas de produtos ou serviços na internet.

Eles ganham essa comissão enviando visitantes para o site do vendedor e dividindo os lucros caso esses visitantes façam uma compra.

Afinal, o que significa “afiliado”?

O afiliado é um dono de site ou criador de anúncios que divulga os produtos ou serviços de outras pessoas.

Geralmente, um afiliado não tem uma loja virtual própria, nem estoque de produtos para vender. Ao invés disso, ele usa suas redes e canais de comunicação para promover lojas e serviços de outras pessoas, recebendo uma porcentagem do lucro das vendas que essas pessoas fazem.

Um afiliado pode ser qualquer pessoa:

  • Ele pode ser expert em uma área específica, oferecendo reviews e dicas para seus visitantes.
  • Também pode ser um profissional do marketing que sabe muito bem como colocar anúncios na frente das pessoas certas.
  • Pode ser também qualquer pessoa que tenha uma lista de emails ou seguidores nas redes sociais e queira ganhar dinheiro com isso.

Como o afiliado ganha dinheiro?

Transação online com cartão

Os afiliados colocam um “link de afiliado” no conteúdo das postagens de seu site ou na forma de um botão de call-to-action (CTA). Esses links são únicos, levam os visitantes do site do afiliado até o site do vendedor e mostram que esses usuários chegaram ali através daquele afiliado específico.

O afiliado que tenha sucesso em promover o site do vendedor será recompensado com uma comissão. Existem diferentes programas de afiliados e modelos de comissão, então é importante encontrar aquele que combine mais com você.

1. Pagamento por clique (PPC)

O modelo PPC costuma oferecer maior lucro para os interessados em marketing de afiliados. Nesse modelo, os vendedores pagam os afiliados toda vez que um usuário clica em um dos links que levam para a loja do vendedor.

Mesmo que o preço de um clique seja menor que o valor pago por outras ações, caso seu site receba muitas visitas e muita gente clique em seus links, esse sistema pode compensar.

Nesse modelo de marketing de afiliados, o valor de cada comissão é fixo.

2. Pagamento por lead

Esse modelo exige um pouco mais de esforço por parte do afiliado. Além de clicar no link de afiliado, o usuário precisa completar ações específicas para que o afiliado receba sua comissão.

Essa ação pode ser: criar uma conta no site do vendedor, responder uma pesquisa de opinião, enviar um formulário com informações, assinar uma newsletter ou fazer o download de um software.

O valor de comissão deste modelo de marketing de afiliados é fixo.

3. Pagamento por venda

Os afiliados que escolhem esse modelo para trabalhar precisam que seus visitantes cliquem no link de afiliado e comprem um produto no site do vendedor. Só depois da compra o afiliado recebe sua comissão.

Esse é o modelo que costuma ter o menor volume de usuários, mas a comissão tende a ser a maior, em comparação com os outros modelos.

O valor da comissão deste modelo de afiliados pode ser um valor fixo ou uma porcentagem do valor do produto comprado.

Os benefícios de fazer parte de um programa de afiliados

Mulher sentada na cama com notebook

É claro que os vendedores recebem a vantagem de ter afiliados fazendo o trabalho pesado e divulgando seus produtos e serviços. Mas e do lado dos afiliados, o que é marketing de afiliados e quais os benefícios?

Existem alguns bons motivos para começar a trabalhar com marketing de afiliados, como estes aqui:

Retorno de investimentos

Considerando que tudo que você vai precisar para começar sua carreira no marketing de afiliados é um site e um tempinho livre, o investimento financeiro é bem baixo.

É verdade que a renda que você recebe em programas de afiliados é baseada totalmente no seu desempenho, então esse é um mercado que atrai quem faz o tipo dedicado. O retorno do investimento pode ser bem alto.

Se você estiver disposto a se esforçar, não há limite no valor que pode receber com as comissões, e você não vai precisar investir dinheiro para fazer seu negócio crescer.

Alguns dos negócios mais bem-sucedidos no ramo do marketing de afiliados começaram só com um ou dois funcionários trabalhando pesado para conseguir mais visitantes.

Sem estoque

Outra ótima vantagem do marketing de afiliados é que você pode vender um serviço ou produto sem ter que gerenciar um estoque ou enviar mercadorias pelo correio.

Participando em programas de afiliados você vai poder lucrar com as vendas, mas sem ter que lidar com o estoque. O vendedor é o único responsável por fornecer os produtos e serviços, e tudo que você vai precisar fazer é ser a ponte entre ele e o cliente.

Essa é a mágica do marketing de afiliados.

Renda passiva

Nestes tempos de internet, a galinha dos ovos de ouro que muita gente procura é a chance de ter uma fonte de renda estável todos os meses, sem ter que trabalhar todo dia. Isso é chamado de renda passiva e é algo que o marketing de afiliados pode oferecer.

Na vida de muitos afiliados, para ganhar dinheiro é necessário criar um site, posicionar os links de afiliado nas páginas, criar conteúdo que atraia visitantes, e pronto. Enquanto o site estiver recebendo visitantes, a renda passiva está garantida.

Mas receba esta dica preciosa: mesmo que você não trabalhe na sua estratégia de marketing digital e marketing de afiliados todos os dias, fique sempre de olho nos seus sites.

Tenha certeza que com o passar do tempo você continua oferecendo os produtos certos para seu público. E fique de olho no seu SEO e sua posição nas buscas do Google.

Nunca tenha que lidar com reclamações

O setor de reclamações e atendimento ao cliente é uma das áreas que precisa de maior investimento de tempo e dinheiro dentro de uma empresa.

Com todos os pedidos de devolução, perguntas sobre produtos e clientes decepcionados, as mensagens por chat, email e telefone nunca param de chegar.

No marketing de afiliados, tudo isso é de responsabilidade do vendedor. Pode até ser que um ou outro cliente entre em contato reclamando de um produto ou serviço que você promoveu, mas você sempre terá a opção de redirecionar essas reclamações diretamente para o vendedor.

Trabalhe quando e onde quiser

Outra dica sobre o que é marketing de afiliados, é que ele é feito 100% pela internet, você tem liberdade total para trabalhar de qualquer lugar e quando preferir.

Para criar um site, tudo que você precisa é de um computador. E, já que você não vai estar lidando com reclamações de clientes, você não vai precisar ter uma sede ou estar online em horários específicos.

Muitos afiliados escolhem viajar pelo mundo e vender produtos e serviços na internet para bancar essas viagens.

O que você faz com sua liberdade é uma decisão totalmente sua.

É escalável

Trabalhar quando e onde quiser e experimentar a liberdade de viajar o mundo pode atrair muita gente, mas e se você quiser levar essa coisa de afiliado mais a sério?

Mesmo que o marketing de afiliados seja relativamente simples para iniciantes (comparando com outros tipos de marketing digital), as oportunidades de crescimento são praticamente ilimitadas.

Não importa se você quer começar sozinho ou se pretende ter ajuda de algumas outras pessoas: é possível transformar seu marketing de afiliados em um grande negócio.

Você pode contratar desenvolvedores, redatores, freelancers e delegar tarefas para eles.

Aprenda com seu negócio

Muitas pessoas que começam vendendo produtos de outras pessoas como afiliados acabam decidindo vender seus próprios produtos e serviços. Se você decidir se tornar um vendedor também, vai poder usar tudo que aprendeu como afiliado para criar sua própria loja.

Com a experiência que você obteve no marketing de afiliados, vai ser mais fácil saber que produtos e serviços têm mais demanda, que tipo de mensagem converte mais clientes e como criar uma ótima loja.

Melhor ainda, os novos vendedores podem criar seus próprios programas de afiliados. Você já vai saber qual plataforma de marketing de afiliados tem a melhor reputação e como construir um ótimo relacionamento com os afiliados que vão promover seus produtos e serviços.

Um estudo de caso: programa de afiliados do Zyro

Página inicial do Zyro

Para entendermos melhor o que é o marketing de afiliados e como ele é feito na prática, vamos dar uma olhada no exemplo do programa de afiliados do Zyro.

O Zyro é um construtor de sites e uma plataforma para lojas virtuais que ajuda os usuários a criar sites lindos, 100% funcionais e com SEO aprimorado em questão de minutos.

Quem são os afiliados?

O construtor de sites e plataforma de lojas virtuais Zyro foi feito especialmente para pequenas e médias empresas

Por esse motivo, programas de afiliados do Zyro costumam atrair pessoas que já têm ou planejam ter uma empresa desse porte.

A beleza do marketing de afiliados está no fato de que não importa em qual canal você tem seguidores. Se você consegue redirecionar visitantes através de um link, pode começar a ganhar dinheiro.

Por exemplo, o Zyro trabalha com afiliados que tenham:

  • Blogs sobre empreendedorismo onde oferecem dicas para empresários
  • Blogs focados em ajudar pessoas que querem criar um site
  • Um número grande de seguidores em plataformas como o Facebook ou Instagram
  • Um canal no YouTube sobre esse tipo de assunto

Qual o modelo de comissões?

O modelo de comissões padrão do Zyro é baseado na divisão de lucros, onde o afiliado fica com 60% do valor. Essa divisão de lucro é calculada a sobre o valor pago pelo usuário na sua primeira inscrição no Zyro.

Isso significa que o afiliado vai receber 60% do valor do plano contratado pelo cliente. Essa é uma porcentagem relativamente generosa, se comparada a outros programas de afiliados.

Com essa porcentagem tão grande sobre os lucros, você pode entender porque tanta gente na internet está usando o marketing de afiliados para ganhar uma renda extra.

Veja como o processo funciona:

  1. Um afiliado se inscreve para participar do programa de afiliados do Zyro.
  2. O Zyro dá um link de afiliado único para ele.
  3. O afiliado adiciona esses links ao conteúdo de seu site ou redes sociais, convidando o público a clicar e se inscrever.
  4. Quando um usuário clica no link, o Zyro sabe de qual afiliado aquele aquele acesso está vindo.
  5. Se o usuário contrata um plano pago, 60% do valor é enviado para o perfil do afiliado.
  6. Assim que o afiliado alcança um valor mínimo arrecadado, ele recebe um pagamento via TransferWise ou Paypal.

Como fazer parte de um programa de marketing de afiliados

Mulher aprendendo marketing de afiliados no notebook

A ideia do marketing de afiliados te agradou até aqui? Você está pronto para ajudar a vender produtos e serviços a partir dos seus canais?

Aqui estão as etapas que você precisa completar para se tornar um afiliado de sucesso:

1. Escolha seu nicho

O primeiro passo é provavelmente o mais desafiador: escolher em qual nicho de mercado você vai querer focar.

Mais a frente neste guia, vamos contar quais são as maiores tendências do marketing de afiliados em 2021. Mas, por enquanto, vamos oferecer algumas dicas gerais sobre como escolher o foco do seu trabalho de marketing digital.

Quando for escolher seu nicho, você deve:

  • Entender bem o mercado daquele nicho. Se você já tem experiencia na área escolhida, ainda melhor. Mas caso não tenha, não se preocupe – só trate de estudar o máximo possível sobre ela.
  • Encontrar um nicho que tenha um público com tamanho razoável para que você sempre tenha clientes. Pense nos produtos que são populares e atraem muitas pessoas.
  • Escolher um nicho onde não vai ter concorrentes demais. Mesmo que seja possível ter sucesso sendo novato numa área já bem estabelecida, quanto mais cheio de competidores um mercado for, mais você terá que se esforçar para ter destaque.
  • Criar conteúdo valioso sobre o nicho que você escolher e assim os visitantes vão continuar voltando para seu site ou perfil. Se um único post for tudo que você puder oferecer, não vai ser possível construir um negócio sustentável.

2. Escolha um canal

Encontre uma forma de se comunicar com seu público-alvo que tenha um bom custo-benefício, não exija muita manutenção e ajude você a ganhar dinheiro com os visitantes que já tem.

Alguns dos canais de marketing que você pode escolher são os blogs, os sites de review de produtos, as mídias socias, o YouTube, o Twitch e qualquer outra plataforma que aparecer.

Quando for escolher o canal (ou canais) que vai usar, você deve:

  • Identificar o lugar onde seu público-alvo provavelmente já está. Se as pessoas mais interessadas no seu produto não assistem vídeos no YouTube, não tem porquê tentar alcançar esse público lá.
  • Descubra quais meios de comunicação são mais confortáveis para você. Não gosta muito de escrever? Pode ser que os blogs não sejam a melhor escolha para você.
  • Observe de onde estão vindo os visitantes dos seus concorrentes. Tem algum canal bacana que você ainda não está explorando? Ou quem sabe você pode criar conteúdo ainda melhor para um canal que já possui?

3. Crie um site

Se você decidir que o melhor canal é um site (como um blog ou um site de reviews), então já pode começar a pensar em como criar um (o Zyro pode te ajudar com isso).

Apesar disso, mesmo que você escolha o YouTube ou as redes sociais como seu canal, ter um site ainda pode ser muito vantajoso.

Todos os afiliados devem considerar ter um site, porque:

  • Ele pode fazer seu negócio parecer mais seguro e profissional. Isso vai te ajudar a conquistar a confiança dos clientes e parceiros.
  • Ele pode te ajudar a ser encontrado por novos parceiros, oferecer suas informações de contato e aumentar seu alcance no geral.
  • Ele pode ajudar você a estar no controle da experiência do usuário. Direcionar os visitantes para seu próprio site pode prepará-los melhor para a compra que devem fazer.

4. Faça seu tráfego crescer

Para conseguir gerar valor para os vendedores, você vai precisar que seus canais atraiam visitantes que poderão ser redirecionados para o site de seus parceiros.

Nesta altura do campeonato, você deve trabalhar pesado em aumentar seu tráfego. O tráfego pode aumentar com SEO, com boa estratégia de marketing digital, com sites de boa reputação fazendo links para suas páginas ou com o aumento do número de seguidores nos seus perfis nas redes sociais.

Já que o tráfego de visitas é justamente o produto que você está vendendo, você precisa garantir que essas visitas tenham grande volume, alta qualidade e relevância para seus parceiros.

5. Escolha seus parceiros

Decidir com quem trabalhar é tão importante quanto as outras etapas do processo de se tornar um afiliado.

De várias formas, essa escolha vai ditar o sucesso que suas operações vão ter no mundo do marketing de afiliados.

Para escolher bem seus parceiros, você deve fazer o seguinte:

  • Identificar quais marcas relevantes para o seu nicho têm programas de afiliados.
  • Descobrir o máximo possível de informações sobre os programas de afiliados dessas marcas. Que tipo de modelo de comissão é oferecido? Quais os requisitos para ser pago? Saiba tudo antes de se inscrever.
  • Veja quais os outros afiliados já estão trabalhando com essas marcas. Isso vai te mostrar quem são seus concorrentes e o nível de qualidade da marca.
  • Teste você mesmo o site das marcas. Se eles não atraírem você a fazer uma inscrição ou comprar um produto, talvez eles não sejam parceiros que vão te trazer muito lucro.

6. Negocie sua comissão

Só porque programas de afiliados oferecem uma taxa fixa de comissão, isso não quer dizer que outras opções estão fora de questão.

Afiliados bem-informados sabem qual é o real valor de seu tráfego – e exigem uma comissão à altura. Se você está planejando negociar sua comissão, fique de olho nestes pontos:

  • Você pode mostrar ao vendedor qual volume de visitas seu site espera receber
  • Você tem que saber de onde seus visitantes estão vindo (em que região eles moram e quais as idades, faixas de renda, escolaridade, gênero, etc)
  • Você deve saber demonstrar o valor do seu tráfego
  • Você tem que saber justificar o porquê do tráfego do seu site ser mais valioso do que o dos demais afiliados

7. Redirecione os visitantes

Essa é a etapa mais simples. Assim que tudo estiver publicado e no ar, você só precisa inserir um link de afiliado em seu conteúdo e começar a direcionar visitantes para o site dos seus parceiros.

E assim você já vai poder começar a ganhar dinheiro imediatamente.

8. Otimize

Os afiliados de sucesso nunca se contentam com a renda que já têm. Eles estão sempre procurando novas formas de aumentar o volume de visitas e conversões.

Se você quer levar o marketing de afiliados a sério, estes passos abaixo vão ser muito importantes.

Para começar a otimizar seu negócio de afiliado, você pode fazer isto:

  • Use informações geradas por ferramentas como o Google Analytics para entender de onde seus visitantes estão vindo, do que eles mais gostam no seu site e como melhorar seu desempenho nos resultados de busca.
  • Turbine sua presença nas redes sociais usando anúncios pagos e campanhas de divulgação agressivas.
  • Negocie novos valores de comissão com seus parceiros de venda com base no volume de visitas do seu site. Quanto maior a qualidade do seu tráfego, melhor a proposta que você pode fazer.
  • Procure novos vendedores para criar mais parcerias. Você pode experimentar dividir suas visitas entre vários vendedores diferentes e ver qual traz o maior retorno. E então você vai saber pra onde enviar mais visitantes para aumentar seus lucros.
  • Divulgue novos produtos e serviços relacionados com seu nicho de mercado. Descubra o que seus visitantes querem e dê isso pra eles.

As maiores tendências para o marketing de afiliados em 2021

Gráficos na tela

Assim como todos os outros tipos de marketing digital, o marketing de afiliados também tem suas tendências.

Novas técnicas de marketing, produtos, plataformas, programas de afiliados e tecnologias surgem o tempo todo, e o jeito anterior de se fazer as coisas fica ultrapassado muito rapidamente.

Com isso em mente, criamos uma lista com as tendências mais importantes que os afiliados novatos devem conhecer antes de começar seu trabalho.

1. Os influencers estão cada vez mais influentes

Há alguns anos atrás, muitos profissionais do marketing acreditavam que o marketing de influencers era uma bolha e não duraria muito tempo. O crescimento do setor mostra que esse não vai ser o caso.

Um influencer sozinho não vai conseguir redirecionar o mesmo número de visitantes que um afiliado bem-estabelecido no mercado.

Apesar disso, já que os seguidores dos influencers tendem a ser um público bem específico, o tráfego que eles enviam para o site dos parceiros constuma ter uma intenção maior de compra e, por isso, é mais valioso.

2. Ter uma variedade de vendedores parceiros

Já foi-se o tempo em que alguns afiliados trabalhavam com um ou dois vendedores apenas, tirando todo seu lucro dessas poucas parcerias.

Hoje, o marketing digital é mais dinâmico, disputado e competitivo. Isso significa que confiar em apenas uma fonte de renda pode fazer você perder dinheiro, caso a empresa em questão tenha desempenho ruim.

Para os afiliados modernos, é uma decisão bem mais sábia e segura diversificar as parcerias. Trabalhe com quantos vendedores fizer sentido para você. Se um deles entrar em uma má fase, você terá outras parcerias para te dar suporte.

3. Novos produtos e serviços

Uma das melhores formas de obter sucesso com o marketing de afiliados é sendo o primeiro a atender certo nicho de mercado. Dito isso, é importante que você fique sempre de olho nas últimas tendências para vendedores e afiliados.

No setor do marketing de afiliados, entre os mercados com maior potencial em 2021 estão:

  • eSports – que são os videogames jogados como modalidade esportiva. O mercado se abriu nos últimos anos para os acessórios gamer, produtos personalizados e serviços de apostas em jogos.
  • Terapia online – cada vez mais pessoas estão usando serviços online para cuidar da saúde mental. Acredite ou não, isso deixa a porta aberta para que os afiliados lucrem nesse mercado.
  • Produtos para vaping – tido como uma alternativa mais saudável que os cigarros tradicionais, os vapes fizeram muito sucesso nos últimos anos e milhões de pessoas procuram os melhores produtos para vaping na internet. Você pode lucrar conectando essas pessoas aos produtos.
  • Biohacking – pode até parecer assustador, mas biohacking é simplesmente o uso de produtos farmacêuticos e tecnológicos para aumentar o desempenho físico e mental. E esse mercado está cada vez maior.

4. Alguns nichos estão sempre em alta

Sabemos que é ótimo encontrar novos nichos para explorar, mas poder se apioar em um mercado já bem-estabelecido também tem seu valor.

Entre os serviços e produtos que parecem nunca perder a relevância no mundo do marketing de afiliados estão:

  • Beleza e cuidados com a pele – maquiagem, hidratantes e cosméticos de todo tipo estão sempre em alta na internet.
  • Viagens – conhece  um jeito inteligente de conectar clientes e passagens baratas de avião? Isso pode te fazer ganhar milhões como afiliado.
  • Apps de namoro – os solteiros estão sempre a procura de novas formas de conhecer gente nova e os apps estão sempre a procura de novos clientes.
  • Games e apostas – esse é o nicho mais competitivo do marketing de afiliados, mas é altamente lucrativo.
  • Emegrecimento – esse aqui é muito simples; sempre vai ter alguém lá fora querendo perder peso.
  • Decoração – seja a pessoa que vai conecta o cliente àquela capa de almofada que ele nunca vai jogar fora.

5. As pessoas confiam mais em reviews

Quanto mais experiência as pessoas têm com compras pela internet, mais informações eles vão querer sobre os produtos e serviços que você promove (informação além dos anúncios básicos).

É aqui que aquela dica sobre conhecer cada detalhe do seu nicho faz ainda mais sentido.

Se você consegue oferecer reviews detalhados e dicas para os consumidores, vai estar não apenas gerando valor como afiliado, mas também aumentando suas chances de vender.

Tenha em mente que escrever um  review bem-feito que vai convencer 3 visitantes a comprar o produto é melhor que mostrar um anúncio para 100 pessoas que vão ignorar sua mensagem.

Perguntas e respostas sobre o marketing de afiliados

Pé perto do notebook, trabalhando de casa

Como você pode se tornar um afiliado?

Só com um site e sua vontade de vencer, você já pode começar hoje mesmo a trabalhar com o marketing de afiliados.

Neste guia, nós já respondemos as perguntas “o que é marketing de afiliados?” e “como se tornar um afiliado?”, mas, para recapitular, vamos fazer um breve resumo.

O marketing de afiliados é uma forma de marketing digital onde você (o afiliado) pode ganhar dinheiro (comissões) com a venda de produtos e serviços de outra pessoa (o vendedor). Para fazer isso, você precisa:

  1. Escolher seu nicho de mercado.
  2. Escolher seu canal de marketing
  3. Fazer seu tráfego crescer
  4. Escolher seus parceiros
  5. Negociar sua comissão
  6. Redirecionar visitantes
  7. Otimizar

Quanto dinheiro você pode ganhar?

Infelizmente, isso é praticamente impossível de respondermos aqui, já que vai depender muito de qual nicho de mercado você escolheu, do tamanho da sua operação de marketing e das comissões que você conseguir negociar com seus parceiros.

Por exemplo, um afiliado de sucesso moderado e que trabalha sozinho pode ganhar dinheiro suficiente para viver confortavelmente.

Geralmente, o potencial de lucro do marketing de afiliados é proporcional ao tamanho da operação. Mesmo assim, alguns afiliados já se tornaram milionários mesmo trabalhando sozinhos.

Qual o melhor programa de marketing de afiliados?

Já que existem milhares de programas de afiliados no mercado, cobrindo diferentes empresas, nichos e áreas diferentes, não existe resposta certa para essa pergunta.

Quando você estiver procurando um programa de marketing de afiliados para fazer parte, fique de olho nas características que mais combinam com o que você deseja e no que parece ser mais lucrativo.

1. Relevancia no seu nicho de mercado

A primeira coisa que você precisa entender é sobre o que é marketing the afiliados e como procurar programas de afiliados que combinam com seus visitantes.

Se você se inscrever em um programa de marketing de afiliados com um foco totalmente diferente do seu nicho, não importa quantos usuários você redirecione. Você não vai ganhar nenhum dinheiro.

Quando estiver fazendo sua pesquisa, procure marcas, empresas e programas com um foco parecido com o seu, onde seus visitantes vão encontrar produtos e serviços que interessam a eles.

2. Modelo de comissões

Não se esqueça: seu lucro depende da comissão que os programas pagam a você.

Uma comissão justa e generosa vai permitir não só que você ganhe mais dinheiro, mas também vai mostrar quais programas tratam os afiliados com mais seriedade. 

3. Taxa de conversão decente

Ter uma boa taxa de comissão é ótimo, mas vai ser inútil caso você não tenha uma taxa de conversões alta.

Você não vai saber com exatidão qual a taxa de conversão de um programa de afiliados até começar a trabalhar nele.

Apesar disso, você pode testar a experiência do usuário no site do vendedor antes de fechar a parceria, e assim observar como eles encorajam o visitante a fazer uma compra ou assinatura.

4. Boa avaliação

É bem provável que você não seja a primeira pessoa a se inscrever em algum programa de marketing de afiliados específico. Aprenda com as experiências de outras pessoas procurando reviews e avaliações do programa antes de fazer sua inscrição.

Na internet existem vários lugares onde as pessoas postam suas avaliações dos programas de afiliados. Para ter um feedback mais detalhado, você também pode entrar em contato com pessoas que já fazem parte de programas de afiliados que te interessam.

Quais produtos ou serviços você pode vender?

Teoricamente, tudo que pode ser vendido na internet pode usar uma ajudinha do marketing de afiliados. Cada vez mais clientes pesquisam na internet avaliações sobre produtos e lojas antes de fazer uma compra, então os afiliados podem ajudar a guiar os clientes nessa decisão.

Dito isso, algumas áreas de mercado combinam melhor com esse tipo de marketing, e existem tendências do que faz mais sucesso nos programas de marketing de afiliados. Alguns tipos de produtos e serviços já formam um ecossistema de afiliados melhor consolidado.

Em 2021, alguns dos nichos com programas de afiliados mais lucrativos e populares são:

  • Beleza e cuidados com a pele
  • eSports
  • Terapia online
  • Produtos para vaping
  • Biohacking
  • Viagens
  • Apps de relacionamento
  • Games e apostas
  • Emagrecimento
  • Decoração

O que são networks de afiliados?

Outro elemento do marketing de afiliados que você pode encontrar no seu trabalho são os networks.

Eles não trabalham nem como vendedores, nem como afiliados, mas como um intermediário entre os dois.

  • Os networks de afiliados vão entrar em contato com os vendedores, negociar comissões melhores e criar perfis de afiliado. Depois disso, eles vão contatar o afiliado e fornecer links de afiliado, ficando com uma parte das comissões.
  • Alguns afiliados escolhem trabalhar com um network para não ter o trabalho de encontrar bons vendedores parceiros. Além disso, assim eles podem ganhar uma comissão melhor do que conseguiriam negociar sem a ajuda do network.
  • Afiliados trabalham com os networks porque eles tendem a conseguir maior volume de visitas, ter fontes variadas de tráfego e simplificar o pagamento da comissão.

Se você está começando agora no mundo do marketing de afiliados, fazer parceria com um network pode ajudar você nas partes mais desafiadoras do trabalho.

Quais os riscos envolvidos no marketing de afiliados?

Mesmo que você não precise de manter um estoque de mercadorias e já tenha diversificado suas fontes de renda como afiliado, ainda existem riscos associados ao marketing de afiliados.

Para garantir que você está pronto para firmar parcerias como os peixes grandes do mercado, não se esqueça destes riscos:

1. Falta de tráfego

O valor do marketing de afiliados vem do sucesso em redirecionar os visitantes para lojas virtuais e sites. Sem tráfego de visitas em seu site, você não vai conseguir promover nenhuma venda nem fazer dinheiro.

Mas é claro que esse problema pode ser resolvido. Você tem que ter um plano bem claro de como vai atrair visitantes para seu site. Isso pode incluir uma estratégia de marketing digital, de SEO ou uma longa campanha de marketing. 

2. Taxa de conversão baixa

Você pode até ser o maior especialista em atração de visitantes do mundo, mas, se esses visitantes não forem convertidos em clientes, você não vai receber nenhum centavo em comissões.

Isso significa que o tráfego que você está enviando para o site do parceiro não é relevante para o produto ou serviço que ele vende, ou que o site desse parceiro não é atrativo o suficiente para promover conversões.

De qualquer forma, é melhor que você troque de vendedor parceiro ou seja pago pelo modelo de comissão por clique.

3. Links que não funcionam

Você sabe que está atraindo muitos visitantes para seu site, mas percebe que nenhum está clicando nos seus links de afiliado?

Há uma grande chance do seu link estar quebrado, seja por um erro seu ou do programa de afiliados.

Mesmo que você trate o marketing de afiliados como sua fonte de renda passiva, é bom sempre checar se seus links estão funcionando. Se eles não estiverem, você pode estar redirecionando usuários para o site do parceiro sem receber nada por isso, ou tendo o famoso error 404 no seu próprio site (o que vai prejudicar seu SEO).

4. Parceiros desonestos

Assim como na vida fora da internet, ocasionalmente você vai encontrar sujeitos desonestos.

Pode ser um vendedor que não paga o valor correto da comissão, ou um prestador de serviços que não informa você de todas as conversões feitas através do seu link de afiliado.

Até certo ponto, isso é inevitável, mas é recomendável ficar de olho nas suas métricas mais importantes para ver se existe algo fora do comum. Conheça bem seus visitantes para saber quando algo está errado.

5. Competição acirrada

Se você gostou da ideia de ter uma fonte de renda passiva fácil de manter, não vai ficar surpreso em saber que muitas outras pessoas também se atraíram pela ideia de ganhar dinheiro com o marketing de afiliados.

Seja realista quanto ao tipo de concorrente que você tem e tente encontrar um nicho pouco explorado no mercado. Quanto maior a qualidade do seu tráfego e mais específico ele for, mais você vai se destacar da concorrência.

6. Marketing caro

Agora você já sabe o que é o marketing de afiliados, você pode começar seu próprio negócio como afiliado. Mas, talvez ainda não tenha percebido que ele vai exigir um investimento inicial que não pode ser evitado se você quiser ser bem-sucedido.

O marketing digital é uma das áreas que pode te custar mais tempo e dinheiro. Se você quiser ranquear bem nos resultados de busca ou exibir seus anúncios no Google e nas redes sociais, vai ter que investir recursos.

Mas fique atento para garantir que o seu lucro com as comissões seja maior que seus gasto para aumentar o tráfego, e tome cuidado para que seu investimento em marketing não acabe te trazendo dívidas.

Escrito por

Avatar do autor

Jeisy Monteiro

Faça parte da conversa

Seu email não será publicado. É obrigatório preencher todos os campos.