Apenas por Tempo Limitado - Economize até 85 %

+ Domínio GRÁTIS por 1 ano

A oferta termina em:

02 :

09 :

54 :

08

Os Produtos Mais Vendidos na Internet: 12 Itens Para Comercializar em 2020

produtos mais vendidos na internet em lojas virtuais

Este é o melhor momento da história para abrir uma loja virtual. Se você tem os produtos certos para vender, pode pegar carona no sucesso atual do eCommerce–mas, para isso, você vai precisar saber quais são os produtos mais vendidos na internet.

Como já discutimos em um post anterior no blog, a previsão é de que as vendas online ultrapassem os R$4,9 trilhões no próximo ano.

Os hábitos de consumo no mundo inteiro estão mudando muito rapidamente – é mais fácil que nunca conseguir que, com apenas alguns cliques, quase qualquer tipo de produto seja entregue na porta da sua casa.

Esta é a realidade: as vendas pela internet têm previsão de crescimento estratosférico.

Criar uma loja virtual de sucesso em 2020 exige um pouco de esforço. Identificar quais são os produtos mais vendidos na internet é apenas uma das etapas do processo.

Na internet, os vendedores precisam ser ainda mais dinâmicos e adaptáveis. Um trabalho inteligente de marketing é muito importante, mas a escolha correta dos produtos é fundamental.

Mergulhar de cabeça em uma única tendência de mercado nunca é uma boa ideia: estão lembrados do hand spinner?

Os melhores produtos para vender na internet em 2020

  1. Kits para artesanato
  2. Mantas para sofá
  3. Flores temáticas para cada mês
  4. Vitaminas personalizadas
  5. Artigos para jardinagem
  6. Itens para cuidados com o rosto
  7. Equipamento para fazer exercício em casa
  8. Acessórios para smartphone
  9. Itens para home office
  10. Kits para unhas
  11. Confeitaria artesanal
  12. Loungewear

Como usar esta lista

No decorrer desta lista, vamos compartilhar 12 ideias de produtos que serão tendência em 2020 e mostrar como você pode começar a construir um negócio bem-sucedido com base na venda deles.

Algumas das tendências que vamos apresentar pode acabar já se combinando bem com o tipo de produto que você já vende. Outras podem inspirar você a criar uma loja virtual completamente nova.

Dentro da lista, identificamos:

  • Os melhores produtos para vender este ano
  • Os produtos mais vendidos na internet no momento

Também vamos compartilhar algumas dicas sobre como expor seus produtos para conseguir o maior alcance possível, o mais rápido possível.

Além da criação de uma loja virtual própria, o uso inteligente das redes sociais é peça-chave para vender bem em 2020. Coloque em seu site os links para todos perfis que sua empresa tiver em redes sociais.

Produtos para vender na internet este ano

Estes são alguns produtos que estão na boca do povo no momento. São nesses que você deve focar, se estiver pronto para começar a ganhar dinheiro.

Dos temas florais às vitaminas, este ano o mundo está preferindo produtos mais gentis para a alma e o corpo. Há um foco no desenvolvimento e crescimento pessoal em 2020, e você pode lucrar com isso usando sua loja virtual. Saiba quais são essas tendências e use-as em seu favor.

O tema do desenvolvimento pessoal é abrangente, te dando bastante área para explorar com sua loja virtual. Escolha se quer ajudar seus clientes a entrarem em forma… ou sairem de forma. Ou ambos. Essa pode até ser a tendência do ano que vem.

1. Kits para artesanato

Vários novelos de cores diferentes

Bem-vindo a 2020: tricô é a nova tendência, o bordado está em toda parte e o pessoal descolado está fazendo crochê.

Produtos para artesanato entraram com destaque nas listas de tendências no ano passado, e o Google Trends mostrou o aumento consistente das buscas por termos como “crochê” e “novelos de lã”.

Não é de se surpreender que essas atividades manuais estejam tendo tanto apelo. As pessoas mais habilidosas podem ganhar dinheiro vendendo seus trabalhos artesanais. Para o restante, praticar esses hobbies é um passatempo divertido.

Explore sua criatividade

Use esta tendência a seu favor: crie uma loja virtual e comece a vender artigos para artesanato. Atenda ao maior número de clientes possível oferecendo produtos para vários tipos de técnicas diferentes.

Primeiro, faça uma pesquisa para descobrir quais os produtos mais vendidos na internet para cada categoria de artesanato. Venda o que as pessoas já estão interessadas em compras, mas também ofereça a elas algo novo.

Uma pessoa interessada em costuras acolchoadas pode estar interessada em confeccionar uma jaqueta acolchoada. Ofereça a ela um molde com guia passo-a-passo, botões bonitos e tecido para fazer o forro.

mão movendo tecido na máquina de costura

O que vender

Considere produtos como:

  • Kits de novelos de lã. As pessoas adoram conveniência. Crie kits com novelos de lã de cores diferentes (leve em conta as cores da estação). Venda esses kits cobrando um preço um pouco menor do que se os novelos tivessem sido comprados separadamente.
  • Ferramentas: Os produtos mais essenciais são as agulhas, os ganchos e todos os acessórios técnicos. Você pode mandar marcar o nome da sua empresa nesses produtos para mostrar que você não brinca em serviço.
  • Kits para artesanato. Fisgue novos clientes com kits prontos. Crie uma coleção com tudo que eles precisam para criar determinada peça – você pode vender esses kits tanto para iniciantes quanto para experts.

Como fazer o marketing

Quer que os clientes façam o trabalho de marketing por você? Pense em vender ecobags em todas as compras.

Ela é com certeza um dos produtos mais pedidos em 2020, a ecobag básica, e também é muito fácil de personalizar com sua logomarca. Venda como algo que seus clientes vão precisar – afinal de contas, eles vão precisar de um lugar para guardar todos aqueles novelos de lã.

Se você conseguir um fornecedor de ecobags com um preço muito bom, ao invés de revendê-las, envie as ecobags de brinde junto com as compras. Dar brindes é uma ótima forma de agradar os clientes e fazer eles se lembrarem da sua marca – e, com sorte, voltarem para comprar mais.

Produtos que enchem os olhos

Comprar na sua loja deve ser uma atividade divertida e interessante. Missangas, botões e tintas são produtos adicionais bacanas para vender e atrair clientes que procuram produtos do dia-a-dia e que não querem necessariamente começar um projeto artístico.

Mantenha seu catálogo cheio de novidades – saiba o que está em alta e quais serão as próximas tendências da moda e decoração. A moda dos pompons voltaram? Coloque muitos pompons para vender em sua loja.

2. Capas de sofá

sofá com capa folgada amarela

Quer entrar de vez no mundo das tendências de mercado?

Se você quer encontrar produtos para vender na internet instantaneamente, as capas de sofá (ou mantas para sofá) estão fazendo muito sucesso em 2020.

Um produto simples e com tamanho único praticamente universal, a capa de sofá começou como um item queridinho dos anfitriões do AirBnB. E elas ainda estão em alta, porque posts virais nas redes sociais transformaram as capas de sofá em um queridinho da decoração para além da indústria de hospedaria.

Elas são ótimas para pais de crianças pequenas, para quem tem cachorro e gato e pra quem gosta de mudar a decoração o tempo todo.

Ofereça variedade

Você pode observar que a o Mercado Livre atualmente está saturado de capas de sofá. O Google Trends mostrou que a demanda vai atingir um novo pico neste ano. Por isso, mesmo que agora seja o momento certo para vender esse produto, sua loja deve ter algo que a diferencie de todas as outras.

Tecidos funcionais estão na moda na decoração hoje em dia. Não estamos falando mais daqueles tecidos básicos e bem simples; é mais fácil que nunca encontrar tecidos estilosos e a prova de manchas para confeccionar mantas para sofá

Ofereça algo que seja, ao mesmo tempo, estiloso e muito prático.

pilha de tecidos para estofamento

O que vender

Acessórios, materiais a prova de manchas, estampas exclusivas… não importa o que opte por oferecer, existem muitas opções para fazer sua loja virtual se destacar da concorrência.

Se prepare para vender os seguintes produtos:

  • Capas para almofada. Um jeito bacana e econômico é usar retalhos de tecido e lucrar vendendo esse produto adicional. Se quiser vender a almofada inteira e não apenas as capas, mas não tiver muito espaço para guardar estoques volumosos, pesquise sobre o dropshipping.
  • Capas otomanas. Você quase vai convencer seus clientes a sair encapando tudo na casa.
  • Jogo para sofá e cama. Sua loja vai virar a melhor amiga dos anfitriões de AirBnB se você vender capas combinando para sofá e cama. Isso é ainda mais útil para apartamentos do tipo studio ou kitnets.

Como fazer o marketing

Seja inteligente na divulgação e alcance os anfitriões do AirBnB. Descubra quais os lugares com maior número de anfitriões (por exemplo, cidades grandes e litorâneas) e crie um público personalizado para sua divulgação no Facebook usando posts com geotags.

Crie vídeos rápidos para as redes sociais mostrando exatamente como seu produto funciona. Isso vai convidar o público a interagir com você e ajudar a mostrar que você tem confiança no produto que está vendendo.

Venda produtos premium

Vamos falar a verdade: a maioria das capas de sofá vendidas na internet têm um acabamento barato e afasta clientes buscando sofisticação. Vá um pouco além pelo bem de sua clientela e ofereça opções com melhor acabamento e visual mais luxuoso.

Encontre tecidos que fiquem bonitos nas fotos da sua loja virtual ou ofereça de amostras de tecido gratuitamente. Isso tudo exige tempo e esforço, mas pode ajudar a garantir vendas que, de outras maneiras, não teriam sido feitas.

Se você curtir esse tipo de coisa, por que não oferecer um serviço de entrega vip?

Essa é uma opção muitíssimo luxuosa em que o entregador leva a capa de sofá com toda a atenção do mundo até a casa do cliente – quem sabe ele até mesmo pode colocar a capa no sofá.

Será que isso passaria um pouco do ponto? Talvez sim. Mas mostraria que você realmente se importa com o cliente.

3. Flores temáticas os aniversariantes de cada mês

buquê de margaridas em um vaso

Esta tendência pega carona na moda dos signos e é uma nova forma de expressar personalidade em 2020.

Existe uma flor correspondente a cada mês do ano e elas representam a personalidade dos aniversariantes de cada mês. O Google Trends aponta que, no mundo todo, as pesquisas pelas “birth flowers” estão crescendo muito.

Esses produtos têm o mesmo simbolismo que as pedras do mês – os bebês que nascem em Abril são leais como as Margaridas, por exemplo, e os que nasceram em Novembro são boa companhia, como os crisântemos.

Atribuir valor sentimental a um produto pode ser uma ótima maneira de atrair clientes.

Crie produtos que possam ser dados de presente

É fácil escolher produtos para vender dentro do nicho das flores de aniversário. Muita gente ainda não aderiu a esta tendência, então comece com os produtos que você já gosta e acha que venderão bastante.

Artigos para presente estão sempre em alta – pense só em quantas festas de aniversário e outras celebrações cada pessoa frequenta por ano. Se você já tem uma loja virtual que vende artigos para presente, vai ser fácil encontrar produtos relacionados às flores de aniversário para começar a vender.

embalagens de sabonetes de rosas para presente

O que vender

Você pode encher sua loja com produtos destas categorias:

  • Artigos para mulheres. Pode ser tudo bem simples e sentimental, como bijuterias ou jóias duradouras. Ou você pode mergulhar de cabeça nas tendências e vender tiaras de pano.
  • Cartões de felicitações. Eles são fofos, fáceis de confeccionar e um ótimo presente para pessoas de todas as idades.
  • Produtos personalizados. Essa tendência não vai passar tão cedo e é uma ótima forma de fazer marketing em datas comemorativas. Os clientes amam sentir que estão comprando algo único.

Como fazer o marketing

Se você puder ser generoso, envie alguns de seus produtos para influencers digitais populares e assim fazer sua loja bombar nas redes sociais. Mantenha em mente que esses serão, provavelmente, presentes grátis que podem não trazer nenhum retorno, mas talvez valha a pena tentar.

O marketing de influencers é uma forma bem estabelecida de vender produtos em 2020 e é a melhor tática para alcançar mais gente. Quando os usuários de Instagram gostam de algum produto que veem nas postagens, eles conseguem comprar diretamente pelo aplicativo. Faça parte desse movimento.

Venda as próprias flores

Além dos produtos inspirados na tendência floral, que tal vender as próprias flores? Lojas virtuais para floriculturas já lucram bastante em 2020. Ajude a manter a tendência da gentileza em alta e considere montar uma loja online vendendo buquês de flores.

O Google Trends mostra que a procura por flores é maior na primavera. Seu negócio pode se destacar continuando relevante o ano todo. Garanta que seus clientes recebam um email todo mês os lembrando de fazer os preparativos para as próximas celebrações e aniversários.

4. Vitaminas personalizadas

vitaminas em divisórias para comprimidos

Já estamos vivendo o futuro.

O bem-estar está na moda e isso nos ensina que todos deveríamos cuidar melhor de nossa saúde. Pode esquecer os posts genéricos sobre pastilhas de vitamina C: a tendência de vendas agora são pacotes de vitaminas 100% customizados.

Prevenir é melhor que remediar, então ter um estoque de vitaminas à disposição é mais uma das tendências atuais na  área da saúde e bem-estar.

Nós todos precisamos comer legumes, tomar suplemento vitamínico e cuidar da pele, então por que não investir em produtos que oferecem tudo isso?

Tire a ideia do papel

Veja o que as outras empresas que vendem vitaminas personalizadas estão fazendo.

Esse tipo de negócio exige um site com visual sério e bom design, para ajudar os clientes a se sentirem confiantes no produto. Você vai oferecer artigos que influenciam diretamente a saúde das pessoas, então garanta que o visual e o conteúdo do site mostrem que você sabe do que está falando.

Pense bem em como você prefere organizar seus produtos em sua loja virtual. Use o Google Trends para estabelecer quais vitaminas são mais procuradas pelas pessoas e em que época essa demanda é maior.

Percebeu que talvez a vitamina D seja mais buscada no inverno? Ou que estudantes procuram vitaminas para aliviar o estresse na época de fechamento de semestre?

copo de suco de laranja ao lado de um limão e uma laranja cortada

O que vender

Quando chegar a hora de identificar os produtos mais vendidos dessa categoria, você deve focar nos valores da sua empresa.

Sua clientela está em busca dos melhores produtos para manter a saúde. Atenda as necessidades de homens e mulheres seguindo valores como:

  • Sustentabilidade e produtos sem conservantes. O mercado da beleza e da saúde passou muitos anos usando ingredientes estranhos em seus produtos. Está lembrado das bolinhas de plástico nos esfoliantes? Para seus produtos, prefira os produtos mais naturais.
  • Feito por especialistas. Ninguém quer comprar vitaminas feitas nos fundos da garagem de alguém. Mesmo que sua prioridade seja vender produtos que estão na moda, nada deve ser mais importante que escolher produtos feitos por um profissional da área.
  • Amigável para dietas restritivas. Que venham os veganos, os celíacos e todo mundo.Não se limite. Qualquer pessoa deve ter a possibilidade de personalizar suas vitaminas na sua empresa.

Como fazer o marketing

Quando estiver planejando sua estratégia de marketing, você pode considerar enviar as informações e amostras do seu produto para revistas digitais. Pode ser uma maneira bacana de alavancar o reconhecimento da sua marca.

Você identificou um ótimo produto para vender, e eles o transformarão em um ótimo produto para se comprar.

Ganhe destaque sendo mencionado em matérias e listas na internet. Links de afiliados podem redirecionar leitores para o site da sua loja. Eles já vão chegar em sua loja virtual sabendo as principais informações sobre seu produto, então garanta que o visual do seu site atenda às expectativas deles.

Ofereça consultoria para ganhar confiança

Desenvolva sua ideia para além de uma loja virtual. Comece a oferecer consultorias gratuitas para pessoas que desejam começar a usar seus produtos.

Para ajudar você a vender pela internet, ganhe a confiança do público, principalmente daqueles que já estão acostumados a comprar seus produtos diretamente das prateleiras da farmácia.

Você também pode enviar emails para os clientes que já se consultaram com você e estreitar os laços com quem já conhece seus produtos.

Use essa oportunidade de engajamento com o público para alavancar as vendas, criar novas tendências e manter por muitos anos uma base de clientes fiéis.

5. Artigos para jardinagem

vasos de planta e ferramentas de jardinagem no chão

Se você sabe a diferença entre uma tesoura de jardineiro e um tesourão de poda, está com sorte. Crie uma loja virtual de artigos para jardinagem e comece a vender. Duas tendências de mercado que vão marcar 2020 são as plantas grandes e a horta caseira.

Produtos como sementes e pás já estão nas listas de produtos mais vendidos, porque as pessoas estão mais conscientes de como podem contribuir para o meio-ambiente e para a própria saúde. E o que pode ser mais sustentável e saudável do que comer o que você mesmo plantou?

Pense em maneiras de deixar seus produtos mais relevantes e mais convidativos. Veja o que está vendendo bem nos supermercados e restaurantes e tente adaptar essa tendência para o mercado de jardinagem.

Talvez valha a pena até ir a feiras culinárias e experimentar algumas amostras grátis – só para testar produtos para sua loja, é claro…

vagens sendo colhidas na horta

O que vender

Alguns ótimos itens para ter em seu estuque são:

  • Pacotes de sementes. Pesquise quais espécies fazem mais sucesso . As pimentas, por exemplo, estão em alta. Vender produtos fáceis de usar como as sementes vão atrair até os jardinheiros mais inexperientes para sua loja.
  • Superalimentos. Comida saudável também está em alta em 2020. Brócolis é um superalimento com alta concentração de proteína, então venda sementes dessa hortaliça.
  • Acessórios. Um hobby pode rapidamente virar uma obsessão. Seus clientes vão querer aperfeiçoar seus jardins e suas hortas usando os melhores acessórios. Aumente suas vendas com produtos como etiquetas para canteiro e recipientes para guardar sementes.

Como fazer o marketing

Poste seus itens de jardinagem no Pinterest, onde os usuários já estão interessados em ter um estilo de vida saudável e sustentável. Experimente fazer uma campanha de marketing de afiliados ou crie um perfil que compartilha dicas de jardinagem e imagens de hortas inspiradoras.

As estações do ano são importantes na jardinagem, então use isso a seu favor. Crie um calendário dinâmico de emails para ajudar seus clientes a encontrarem os produtos da sua loja mais adequados para cada estação.

Expanda seus horizontes

Que tal criar kits para iniciantes e ajudar os jardineiros de primeira viagem? Kits completos são fáceis de vender para quem quer pegar carona nessa moda mas não sabe por onde começar.

Ou vá além e ofereça um serviço que funcione por assinatura. Ofereça à clientela pacotes de sementes de plantas da estação, acessórios para jardinagem e manuais de instruções. Serviços de assinatura fazem mais sucesso nas festas de fim-de-ano, então planeje seu marketing com isso em mente.

6. Itens para cuidados com o rosto

ferramentas para cuidados com o rosto sobre a mesa

Ainda bem que o autocuidado está na moda. Graças a um movimento que lutou por muitos anos para ter reconhecimento no mundo na moda, o mundo começou a perceber que o importante não é termos a melhor aparência, mas nos sentirmos bem.

As mulheres, principalmente, estão montando caixas de ferramenta para cuidados com o rosto, já que a chamada “skincare” caseira alcançou níveis profissionais. Assim como as embalagens sustentáveis e os shampoos feitos sob medida, os artigos para skincare são alguns dos melhores produtos para vender na internet em 2020.

Faça parte da discussão

Deixe de lado aquela extensa rotina coreana de cuidados com a pele. De acordo com quem entende da área, a skincare japonesa (também conhecida como J-beauty) é o que vai estar em alta no futuro próximo.

A J-beauty teve altos de baixos de popularidade nos últimos anos, de acordo com o Google Trends, vivendo na sombra da K-beauty. Mas parece que agora é um ótimo momento para pegar carona na nova onda de sucesso da técnica japonesa e construir seu catálogo de produtos baseado nela.

O grande diferencial da skincare japonesa é o foco em práticas simples e eficazes, como limpezas feitas com óleos. Ofereça produtos que complementam essas técnicas, como pincéis faciais com pulsação.

Talvez você possa até estender seu catálogo para incluir ferramentas para o resto do sorpo também. O ritual do banho também é muito importante no Japão.

embalagem pingando óleo corporal na mão

O que vender

Existem muitos produtos ainda mais abrangentes e populares na categoria de cuidados com a pele que também podem ser ótimos para vender. Quase todos os produtos são direcionados às mulheres, com preços indo dos produtinhos mais baratos e casuais às peças que são um investimento para a vida toda.

Veja só algumas ferramentas que você pode considerar vender na sua loja:

  • Gua sha: esse termo originalmente se referia a um método de massagem facial. Essa ferramenta tem sido usada pela medicina chinesa há anos. Com função de tonificar, enrijecer e desinchar a pele, o Gua sha costuma vir em cores bonitas que ficam perfeitas no feed do Instagram.
  • Rolo facial com vibração: os rolos feitos de pedra jade são muito 2019. Atualize sua oferta de produtos e venda a versão mais tecnológica, que usa vibrações sônicas para suavizar linhas finas. Afinal de contas, todo mundo adora tecnologia.
  • Pincel facial: Pincéis para limpeza profunda de pele já fazem parte da rotina de skincare de muita gente há anos. Pincéis tecnológicos é que são a novidade. Pra aumentar ainda mais o apelo do produto, ofereça opções em cores pastéis.

Como fazer o marketing

Promova sua nova loja virtual nas redes sociais. Se você tem produtos para vender, o Instagram sempre será uma plataforma ótima para gerar engajamento com os clientes.

Assim como indicamos para outras categorias de produtos nesta lista, selecione alguns influencers para quem você poderia enviar algumas ferramentas gratuitas e fazer com que sua loja seja conhecida pelo público certo.

Você também pode começar adicionando pequenas amostras grátis de produtos em cada pedido – muitas lojas virtuais já fazem isso.

Fidelizar o cliente também ajuda, então apresente a ele produtos relacionados ao que ele já gosta e, sendo antenado e atencioso assim, garanta vendas futuras.

Vire um influencer

Se skincare for realmente a sua praia e você tem dicas para compartilhar, que tal usar sua loja virtual como plataforma para criar uma carreira como influencer da área da beleza?

Os clientes adoram quando as marcas de produtos de beleza têm um rosto e, além disso, o mercado dos chamados micro-influencers está em alta. Em 2020, uma forma de conseguir mais vendas é mostrar quem é o profissional por trás dos produtos. Veja o caso da loja virtual Paula’s Choice, por exemplo.

Criar vídeos para sua loja virtual é grátis. Fique posicionado em uma área com boa iluminação, tire aquela pilha de roupa suja do cenário, coloque seu celular em uma superfície estática e comece a gravar.

Ter um pouquinho de influência no mundo digital é uma forma garantida de turbinar as vendas de seus produtos.

7. Equipamento para fazer exercício em casa

equipamento para exercício físico sobre o chão de madeira

Uma coisa que tem venda garantida é aquela kettlebell básica.

O foco no bem-estar, combinado com o maior tempo que começamos a passar dentro de casa, está tendo um impacto muito positivo nas vendas de equipamentos para exercícios. Tanto amantes de academia quanto sedentários estão a procura de exercícios para fazer em casa.

Ofereça variedade

O treino de musculação é uma categoria que cresceu mais de 307% só no último ano.

O kettlebell é um dos produtos mais vendidos na internet no mercado fitness. Como mostra o Google Trends, a procura pelo equipamento triplicou em março.

Esse peso de metal faz sucesso por ser versátil e poder ser guardado em qualquer lugar – isso é, claro, se você conseguir levantar o kettlebell.

Existem dezenas de outros produtos com alta demanda no momento. Vendedores dessa categoria estão batendo recordes de lucro vendendo de cordas de pular a halteres.

kettlebell ao lado de um tapete de ioga dobrado no chão de concreto

O que vender

Você pode começar a vender uma vasta variedade de acessórios para exercícios. Inclua itens como:

  • Colchonetes para yoga. Exercícios feitos com suporte de colchonetes não saem de moda. Esse é um ótimo produto para vender para pessoas que estão começando a malhar agora.
  • Halteres. Os halteres entram em cena quando a lata de óleo já não está servindo mais para malhar os bíceps e tríceps. Venda para o pessoal que malha uma vez ou outra e também para quem ama se exercitar.
  • Bola suíça. Pra quer quer fortalecer o tronco e também postar um story no Instagram. Quando seus clientes se cansarem do mundo fitness, podem aproveitar a bola para brincar com as crianças.

Como fazer o marketing

Os influencers fitness também estão se adaptando e ensinando exercícios que podem ser feitos em casa. Fique sempre de olho nos exercícios que eles estão mostrando e quais equipamentos eles usam para manter seu estoque de acordo com as novas tendências.

E por que não firmar uma parceria com seus influencers preferidos? Além de fazer seu produto ser conhecido por um público maior, você também pode começar a vender equipamentos para os próprios profissionais fitness.

Considere criar um email para tratar do marketing da sua empresa e entre em contato com os empresários e assessores dos influencers. Um email corporativo próprio para esse fim vai mostrar seu profissionalismo.

Mantenha o profissionalismo

Na indústria fitness, ter uma marca reconhecida pode ser a chave para o sucesso. Os clientes que levam os treinos a sério preferem manter a fidelidade às suas marcas preferidas. Pergunte aos professores de yoga qual é a melhor marca de tapetes para yoga e eles provavelmente vão falar que é a Manduka.

Avalie quais marcas famosas podem fornecer produtos para sua loja virtual, mas não se esqueça de focar seu estoque nos produtos mais procurados.

Vender equipamentos para exercícios de marcas que os clientes gostam é uma ótima forma de fazer seu negócio crescer e colocar sua loja à frente dos concorrentes.

8. Acessórios para smartphone

mulher tirando selfie com uma lente para celular

Quer saber quais são os menores objetos que aparecem nas listas de produtos mais vendidos da internet em 2020? São as lentes para câmera de celular. Esses mini dispositivos são um dos produtos tecnológicos que serão os queridinhos dos influencers em 2020.

Mesmo que alguns celulares pareçam ter câmeras melhores do que as próprias câmeras profissionais, os clientes ainda estão procurando formas de deixar suas fotos ainda mais potentes. 

Mas as câmeras de telefone são apenas um entre os vários produtos com alta demanda agora.

Use o Google Trends para ver que os tripés e suportes para smartphone estão em alta nas buscas, assim como a meia para telefone, que voltou a ficar na moda.

Agregue estilo e conteúdo à sua oferta

Dê um motivo para os clientes escolherem sua loja sempre que precisarem de acessórios para smartphone. Combine a funcionalidade de tipo de produto com a moda.

Fique antenado nas cores e estilos que entram em moda. Muitos clientes procuram por produtos que combinem com bem com a decoração perfeita de seus home offices.

Então faça um estoque de produtos que sigam as tendências da moda e da decoração, como tons pastéis e acabamento com detalhes em metal.

celular e acessórios com cor combinando

O que vender

Quando estiver escolhendo produtos para vender na internet, você pode optar por um catálogo mais técnico ou um com produtos leves e divertidos, ou até mesmo uma combinação desses dois.

Os clientes adoram dispositivos inteligentes, então experimente adicionar produtos tecnológicos (como uma caixinha de som com bluetooth, por exemplo) que vão atrair tanto os clientes hi-tech mais exigentes quanto os que estão apenas se divertindo seguindo tendências.

Ofereça uma variedade de produtos, mesclando:

  • Carregadores sem fio. Eles são fáceis de customizar e estão disponíveis em diversos formatos diferentes. Uma forma de lucrar mais com as vendas em 2020 é colocar estampas divertidas nos produtos, nem que seja uma estampa de cachorros-salsicha –e não é que até eles viraram tendência este ano?
  • Iluminador ring light para selfie. Acessório obrigatório para qualquer pessoa que leve as selfies a sério, esses iluminadores de LED funcionam a bateria e já estão na lista de mais vendidos há um bom tempo. Embarque nessa tendência também!
  • Tapa-olhos musical. Com esse produto para dormir ou relaxar, você vai atrair os clientes interessados em investir no próprio bem-estar. Feito para ajudar a dormir bem, essa máscara tapa-olhos tem mini auto-falantes e um cabo para carregar, sendo ideais para ouvir música enquanto conta carneirinhos.

Como fazer o marketing

Repetindo só para caso não tenha ficado claro ainda: sua loja vai ganhar tração se for divulgada nas redes sociais. Ainda mais quando o produto é destinado ao mesmo aparelho que está sendo usado para divulgá-lo. Inception?

Promova seu produto enviando presentes para influencers – mesmo que seja difícil sair dando produtos assim de graça, considere criar uma campanha promocional para colocar seus produtos no caminho do sucesso.

Leve para o lado pessoal

Produtos como capinhas personalizadas não saíram das listas de produtos mais vendidos na internet nos últimos anos. De acordo com o Google Trends, a demanda alcança seu pico nas datas comemorativas. E por que não oferecer personalização de vários tipos de produtos em sua loja?

Essa pode ser uma técnica sólida para atrair influencers que querem colocar a própria logo ou nome em tudo. Na era atual, em que estamos sempre colados aos nossos dispositivos digitais, nosso celular pode ser entendido como uma extensão da nossa personalidade.

9. Itens para home office

mesa de escritório com suporte para notebook

O mundo está cada vez mais reconhecendo o poder da ideia de trabalhar de casa.

Se você quiser e puder vender produtos grandes em sua loja virtual, comece a vender artigos para escritório, que são sucesso garantido. Cadeiras ergonômicas, suportes para notebook e fones de ouvido com canceladores de ruído estão entre os produtos mais vendidos na internet na categoria home office.

Milhões de pessoas que trabalham em escritório já experimentaram criar um espaço para trabalhar da mesa da cozinha ou do sofá em 2020. Muitas empresas estão vendo aí uma possibilidade de investimento.

Flexibilidade está na moda e, por isso, a demanda por artigos para home office subiram muitíssimo.

Faça um upgrade no catálogo

No topo da lista de melhores produtos para vender na internet estão as cadeiras para escritório – a busca por esses itens mais que dobrou em 2020 em comparação com os anos anteriores.

Também existe demanda para produtos mais premium nessa categoria, como móveis que ajudam a corrigir a postura. Muitos trabalhadores querem investir na criação de um home office confortável, então atenda essa necessidade com sua oferta de produtos.

cadeira de escritório de couro

O que vender

O método dropshipping vai permitir que você ofereça produtos grandes sem precisar de ter um galpão enorme ou uma operação complexa de logística. Você pode vender:

  • Mesas dobráveis para notebook. Você pode empurrá-las para o cantinho da sala (elas têm rodízios nos pés) e são ótimas para o home office. Venda como a melhor opção para manter a boa postura durante as videoconferências.
  • Cadeiras ergonômicas. Existem muitas formas diferentes de vender esse produto tão procurado. Ofereça várias cores e modelos diferentes para os trabalhadores com dor nas costas.
  • Apoio para pés. Quando a gente trabalha de casa não precisa mais disputar o apoio para pés com todos os outros colegas do escritório. Atraia clientes que procuram na internet o melhor suporte para a lombar e venda muito.

Como fazer o marketing

Vender seus produtos em marketplaces como a Amazon e o Mercado Livre é uma forma viável de alcançar um público grande.

Se você quer ter como clientes as empresas que pretendem comprar produtos de home office para presentear seus empregados, tente fazer campanhas de email marketing. TRabalhe duro para fazer sua loja virtual ficar atrativa, com imagens incríveis dos produtos e uma lista de preços clara e objetiva.

Tamanho não é documento

Não quer exagerar? Artigos menores para home office também estão em alta. O Google Trends mostra que as buscas por suporte para notebook aumentaram 300% nos últimos 6 meses. Artigos como mouses ergonômicos também estão entre os produtos mais procurados também.

Você também pode afunilar seu público ainda mais. Que tal encontrar produtos muito bonitos para vender para quem quer ter aquela mesa super fotogênica?

Repare em quais itens estão bombando nas mesas dos influencers de produtividade. Um calendário com design inspirador? Um suporte de tela em tons pastéis? Inspire-se.

10. Kits para unhas

amostras de cores de esmalte

Essa é uma daquelas tendências que surgem porque as pessoas estavam a procura de mais conveniência, mas que veio para ficar porque é muito divertida.

Neste ano a procura na internet por kits para unhas cresceu tremendamente. O Google Trends mostra que as cada vez mais pesquisam sobre como fazer as próprias unhas em casa.

Para as mulheres que não podem ir ao salão todo mês para retocar as unhas de gel, ou para aquelas que se cansaram da unha natural, os kits para unha são os salvadores da pátria.

Kits para fazer a unha com cabines de lâmpadas UV se tornaram febre na internet de uma hora para a outra, mas o sucesso de uma manicure caseira não para por aí. Para matar o tédio ou aumentar a autoestima, os esmaltes e kits com materiais mais básicos também estão em alta.

Agora é uma ótima hora para começar a vender esses tipos de produtos.

Um leque de opções

A demanda por kits para fazer as unhas em casa está mais alta do que nunca, então se prepare para colocar sua loja para funcionar a pleno vapor.

Encontre na internet as listas de 10 itens mais vendidos do setor da esmaltaria – não se contente com apenas um deles.

Existem muitas opções de acessórios, ferramentas e acabamentos de nível profissional que você pode oferecer junto dos produtos da moda. Assim como você viu em outras ideias desta lista, é uma boa ideia atrair tanto os novatos quanto os experientes e profissionais.

caixa com esmaltes

O que vender

Você deveria comprar kits prontos para revender ou montar seus próprios? Veja algumas ideias:

  • Tudo incluso. Dê às pessoas o que elas querem. Você já sabe que os kits para unhas são um dos melhores produtos para vender na internet, então ofereça o melhor kit do mercado. Inclua tudo, cabine de lâmpadas UV, esmaltes, bases e todas as ferramentas necessárias.
  • Cabines de lâmpadas LED ou UV. Uma cabine de lâmpadas simples mas potente é uma forma de ter unhas em gel feitas em casa com acabamento perfeito. É bom que o produto possa ser usado tanto para manicure quanto pedicure.
  • Marcas conhecidas. Todas as pessoas apaixonadas por uma unha bem feita têm uma ou duas marcas preferidas de esmalte. Faça estoque de marcas populares para garantir as vendas.

Como fazer o marketing

Para que sua loja virtual de kits para unhas faça sucesso, primeiro você vai precisar de se esforçar para atrair visitantes para seu site. Seu conteúdo deve ser super focado em SEO  – aprenda quais palavras-chave são mais usadas pelo público que você quer alcançar.

Assim como acontece com todo produto que está na moda, fazer posts nas redes sociais sobre seus kits para unhas é uma forma de ganhar atenção rapidamente, se você fizer tudo do jeito certo.

Para fazer sua conta no Instagram crescer com consistência, use imagens poderosas, vídeos bons de assistir e use hashtags de forma inteligente para aparecer na aba “Explore” dos clientes.

Transforme seu negócio em arte

Esses produtos são muito populares porque são super práticos. Os kits para unhas são fáceis de usar e, com uma ou duas passadas belas cabines de LED, todo mundo pode ter unhas perfeitas.

Por que não levar sua loja a um novo patamar e impressionar seus clientes com tutoriais de como fazer as unhas em casa?

Esta é uma dica para as manicures profissionais: se você é uma artista, facilite para que as pessoas possam aprender. Faça tutoriais curtos em vídeo e poste nas suas redes sociais ou em seu site.

Mostre como os clientes podem aproveitar ao máximo os kits de unha que você vende. Não sabe muito bem como usar os pincéis? Encontre alguém que saiba e peça que eles gravem alguns vídeos para sua loja em troca de um kit para unhas.

A ideia é boa, não?

11. Confeitaria artesanal

pilha de cookies gigantes de vários sabores

Se você ama criar novas receitas de pães de bolos, você deveria considerar seriamente usar essa habilidade para ganhar dinheiro.

As buscas na internet por produtos artesanais estão batendo recordes no mundo inteiro.

Agora que todo mundo reconhece que é bom ficar em casa nas noites de sábado, os famintos estão sempre criando as próprias receitas ou usando apps de delivery. A tendência da “confort food”, aqueles pratos deliciosos que você come quando precisa aliviar o estresse, veio para ficar.

Mate a fome

Nessa categoria, os cookies são de longe um dos produtos mais vendidos. Pense sobre as características da comida de delivery perfeita: fácil de comer com as mãos, fresca e quentinha. Os cookies se encaixam bem nesse perfil, não é?

Você pode focar em apenas um item ou expandir seu cardápio e vender deliciosos produtos de confeitaria na internet.

Dê uma olhada em canais famosos por suas receitas no YouTube e Instagram, como o Tasty e o Bon Apetit. Você pode saber o que está em alta ou não no mundo da confeitaria observando as redes sociais.

homem entregando comida com bicicleta

O que vender

Se você quiser vender mais de um produto, inclua em seu cardápio:

  • Opções veganas. Uma das maiores tendências dos últimos anos, o veganismo veio para ficar. Encontre mais clientes oferecendo receitas que respeitam as necessidades de suas dietas.
  • Sabores botânicos. É claro que chocolate sempre será o sabor mais pedido, mas sabores como lavanda, hibisco e manjericão estão na moda em 2020.
  • Opções saudáveis. Os melhores produtos são aqueles que têm gosto incrível mas que a gente pode comer sem culpa. Você vai se destacar na internet se puder oferecer opções com alto teor de proteína ou pouco açúcar em sua confeitaria.

Como fazer o marketing

O seu negócio merece fazer sucesso. O mercado dos apps de delivery está previsto para valer $20 bilhões em 2025, então faça parte desse sucesso e comece a vender pelos apps.

Essa é uma ótima forma de alegrar a vida das pessoas da sua região e facilitar que elas te encontrem na internet.

Faça com que as fotos mostrem seu produto da melhor forma possível – e coloque os itens da moda bem no topo do menu.

Leve o cliente para a cozinha

Vamos falar mais uma vez neste post sobre os programas de assinatura, e por uma boa razão.

Os programas de assinatura são uma ótima ideia para quem deseja monetizar seus produtos de forma mais permanente e transformar seu negócio em uma marca única e famosa.

Um jeito legal de gerar engajamento é anteceder o envio de cada caixa com um email que conta qual é o produto do mês e quem sabe até compartilha uma ou duas receitas.

12. Loungewear

mulher vestindo peças loungewear na rua

Colocar uma loja de roupas no ar agora pode parecer arriscado, mas o loungewear pode ser uma tendência bem lucrativa.

Para a geração sofá-e-netflix, produtos como calças de moletom, robes e blusas macias são itens obrigatórios no guarda-roupa. Esse tipo de roupa tem demanda alta. O Google Trends mostra que, só no ano passado, a procura por esses produtos alavancou.

Com o aumento dos tipos de trabalho que podem ser feitos diretamente de casa, parece que essa tendência veio para ficar.

É possível seguir dois caminhos com o loungewear: itens mais baratos e acessíveis, ou artigos no nível de casacos de caxemira e chinelos revestidos com lã de carneiro.

Compre do fornecedor local

Atualmente as marcas de roupa estão sob pressão para adotar um processo de produção mais sustentável. E isso é ótimo.

Roupas produzidas do outro lado do mundo em países pobres têm um custo alto tanto para o meio-ambiente quanto para as empresas. Felizmente, os looks feitos a mão estão na moda e os materiais reciclados estão em alta.

Mesmo que seja tentador comprar pilhas e pilhas de loungewear produzidas muito longe daqui, você deve considerar com carinho a ideia de procurar fornecedores locais para sua loja online.

Esse é uma ótima maneira de diferenciar sua marca da concorrência e fazer com que seu negócio esteja mais preparado para os hábitos de consumo do futuro.

arara com camisas brancas, cinzas e pretas

O que vender

Algumas tendências em loungewear para 2020 incluem:

  • Loungewear de luxo: Sabia que robes com plumas nas bainhas são um dos produtos mais procurados? Para deixar esse produto típico dos anos 1950 mais com a cara de 2020, essa tendência embarcou na moda do maximalismo. Por que não vender para as mulheres que querem se sentir mais luxuosas enquanto maratonam séries no sofá?
  • Camisetas cropped e sutiã sem aro: A tendência do loungewear é totalmente focada no conforto. Esses produtos vão atender bem as mulheres que precisam de um pouco de suporte para o busto – mas não muito.
  • Roupas tricotadas. Claro, esse tipo de roupa não valoriza todo tipo de corpo, mas ninguém pode negar que elas são confortáveis. Itens tricotados que estão fazendo sucesso em 2020 – de acordo com a própria Vogue – incluem leggings, calças flare e shorts.

Como fazer o marketing

No momento, as redes sociais são o lugar ideal para divulgar seus produtos de loungewear. Do Instagram ao TikTok, passando pelo YouTube, o conjunto de moletom está ganhando o reconhecimento que merece por meio dos vídeos caseiros.

Não deixe de criar uma conta Business no Instagram para sua loja virtual, pois assim você pode vender pela plataforma e usar anúncios de afiliados e posts patrocinados.

Informe seu endereço de email para que as pessoas possam entrar em contato com você. Crie uma hashtag para fazer sua loja viralizar.

Não deixe ninguém de fora

Não são só as mulheres que procuram loungewear para comprar. Ofereça produtos também para os homens que estão procurando roupas confortáveis na internet e aumente suas vendas.

Para garantir que todo seu catálogo de produtos venda como água, mostre para as pessoas como montar looks com as roupas que você oferece.

Veja só o moletom com capuz, por exemplo. Ele é um dos produtos mais vendidos na internet na categoria de loungewear, e mesmo assim muita gente acha difícil usá-lo em looks fora de casa. Crie imagens inspiradoras combinando o capuz com peças mais “arrumadinhas” (como blazers, tênis e calças de moletom justas).

Escrito por

Avatar do autor

Jeisy Monteiro

Faça parte da conversa

Seu email não será publicado. É obrigatório preencher todos os campos.