Apenas por Tempo Limitado - Economize até 63 %

+ Ganhe domínio GRÁTIS por 1 ano

A oferta termina em:

00 :

07 :

52 :

26

Blog do Zyro

Todos os tópicos
Blog de e-Commerce Design Dicas para Pequenas Empresas Essenciais Ideias de Negócio Insights do Zyro Inspiração Marketing Novidades do Zyro

Use Estes 24 Sites de Freelancer para Encontrar Trabalhos em 2021

Pessoa usando o nobebook sentada à mesa

Não queremos vender o sonho de que a vida de freelancer é fácil, mas temos que admitir que ela oferece muitas vantagens. E como ter acesso a tais vantagens? Encontrando oportunidades em sites de freelancer.

A não ser que você tenha contatos em centenas de multinacionais, as plataformas de freelancer são o jeito mais fácil de ter sucesso como autônomo.

E, quando você estiver em contato com as empresas e sendo contratado, as vantagens vão ser parte da sua vida profissional – agenda flexível, poder trabalhar de qualquer lugar, acesso a marcas e empresas famosas. Sua carreira como freelancer pode ser incrível.

Homem sentado em uma cadeira olhando para um notebook

O que são sites de freelancer e como eles funcionam?

Caso você ainda não saiba, freelancers são profissionais autônomos, geralmente especializados em uma área específica. Eles são pagos por projeto ou empreitada.

Há muitos tipos de freelancer – e muitos tipos de sites de freelancer também.

Alguns sites para freelancers são feitos exclusivamente para um tipo específico de profissão. Outros são mais gerais, servindo trabalhadores remotos, pessoas em busca de renda extra ou especialistas experientes.

Um site de freelancer geralmente funciona assim:

  • O freelancer cria um perfil, importa seu portfólio ou preenche um formulário de candidatura na plataforma. Os sites geralmente fazem uma triagem dos candidatos antes que eles possam começar a usar seus recursos.
  • O empregador divulga uma vaga ou projeto no site – ou vai diretamente procurar candidatos na plataforma.
  • O freelancer pode se candidatar à vaga ou enviar uma proposta para o empregador. Em projetos criativos, às vezes o processo seletivo inclui um concurso.
  • Quando o freelancer é selecionado para uma vaga ou projeto, ele pode entrar em contato com o empregador para discutir prazos, preços e detalhes.

Nossas melhores dicas de sites de freelancer

Apesar da maioria dos sites para freelancers seguirem um mesmo formato, há várias opções de plataformas no mercado. Conheça nossa lista e escolha a melhor para sua carreira.

1. Freelancer

Site Freelancer

Abrangente e bem-conhecido, o Freelancer.com posta vagas para milhares de candidatos no mundo inteiro. Usado por clientes como a Amazon e até a Nasa, o site reúne empregadores e profissionais sérios.

Do design gráfico a projetos de redação, o Freelancer.com é uma plataforma ótima para profissionais criativos. A interface simples criar uma ótima experiência para o usuário – e o freelancer não precisa pagar para criar uma conta.

Com tantas vagas postadas, esse site não é imune a golpistas. Preste bastante atenção e, quando for se candidatar a novos projetos, conecte-se apenas a clientes verificados.

A plataforma está disponível em inglês e oferece ótimas oportunidades de fazer parte de projetos internacionais.

2. Fiverr

Site de freelancer Fiverr

Ideal para freelancers novatos que ainda não têm experiência profissional, o Fiverr coloca o modelo tradicional dos sites de freelancer de ponta-cabeça. Você cria um perfil, descreve seus talentos e os empregadores são quem entra em contato com você fazendo uma proposta.

É uma ótima plataforma para quem procura trabalho como freela, mas ainda não tem um portfólio. Os projetos propostos no Fiverr geralmente têm baixo orçamento – os usuários podem criar propostas customizadas.

A plataforma cobra uma taxa (20% do valor do projeto) e, já que oferece 14 dias de garantia de reembolso para os empregadores, os freelancers não recebem o pagamento imediatamente. Às vezes, a garantia de reembolso pode dar poder a golpistas, então tenha atenção ao escolher seus parceiros.

3. 99designs

Site de freelancer 99designs

Esse site de freelancer foi criado especialmente para designers. O 99design funciona com base em concursos: os usuários enviam propostas de projetos para as empresas e o melhor candidato fica com a vaga.

Apesar de ser muito competitiva, a plataforma é um das melhores opções para quem procura fazer parte de uma comunidade profissional e conhecer pessoas com os mesmos interesses.

Se você é um designer freelancer, mas trabalha melhor quando tem um relacionamento próximo com clientes e empregadores, talvez o sistema da 99designs lhe pareça um pouco impessoal. Tirando isso, o site oferece muitas oportunidades para construção de portfólio e experiências profissionais.

4. Upwork

Site de freelancer Upwork

Um dos sites de freelancer mais populares mundialmente, o Upwork serve profissionais de várias áreas e muitos países. Criar uma conta na plataforma é grátis, mas se destacar lá dentro não é tão fácil assim.

O site é repleto de freelas competindo pelas vagas, e, quando se consegue um projeto, a comissão cobrada pelo site é considerável. Dito isso, os empregadores geralmente oferecem trabalhos que pagam bem, e o sistema de faturamento é integrado ao site.

O Upwork é um site de freelancer considerado “premium” e tem uma comunidade de profissionais experientes.

A plataforma está em inglês, mas há uma seção do site onde empregadores internacionais postam vagas exclusivas para brasileiros – a maioria relacionada à tradução, localização e dublagem de textos.

5. PeoplePerHour

Site de freelancer People Per Hour

Provavelmente o melhor site para freelancers quando assunto é eficiência, o People Per Hour é conhecido por seus processos otimizados. A plataforma faz esforço para colocar freelas em contato com os empregadores certos.

Usado principalmente por freelancers e empregadores de áreas como desenvolvimento de software e marketing, o People Per Hour usa inteligência artificial para conectar usuários a vagas. É um site competitivo, com muitos candidatos cadastrados.

Todos os cadastrados passam por um processo de triagem e podem estabelecer de antemão uma faixa de preço para o próprio trabalho – isso significa que você só compete com outros candidatos que oferecem um nível de preço similar ao seu.

6. LinkedIn ProFinder

Site de freelancer LinkedIn ProFinder

Todo mundo que procura emprego deveria ter um perfil completo no LinkedIn – e, assim que seu perfil estiver lindo e atrativo, você vai poder se candidatar à plataforma LinkedIn ProFinder e começar a fazer seu networking.

Lançado em 2015, o LinkedIn ProFinder é um site feito para ajudar freelancers a encontrarem trabalho e entrarem em contato com empregadores em potencial. Afinal de contas, encontramos alguns dos melhores projetos quando conhecemos as pessoas certas.

Similar a outros sites de freelancer, como o Upwork e o People Per Hour, seu perfil vai precisar passar por uma triagem antes que você possa se candidatar às vagas.

7. Toptal

Site de freelancer Toptal

Você é freelancer profissional e tem muita experiência em empresas de prestígio? A Toptal pode ser a plataforma certa para você.

O Toptal é um dos sites de freelancer mais exclusivos da internet, clamando hospedar os profissionais mais qualificados do mundo. Ele é perfeito para experts em áreas como desenvolvimento web, product management e finanças.

E não é fácil entrar para o grupo seleto de profissionais cadastrados na plataforma: o processo de seleção é rigoroso. Porém, se você for aprovado, terá acesso algumas das melhores oportunidades do mercado de trabalho freelancer.

8. We Work Remotely

Site de freelancer We Work Remotely

Ocasionalmente você vai encontrar vagas terríveis nos sites de freelancer. Algumas vezes os projetos anunciados nem existem.

O We Work Remotely cobra dos empregadores 299 dólares pela postagem das vagas na plataforma. Isso evita os posts falsos e as vagas de baixa qualidade. E há muito trabalhos disponíveis no site, para várias áreas – de redatores a designers.

E os freelancers nem precisam criar um perfil para usar o We Work Remotely: qualquer pessoa pode acessar a lista de vagas abertas. Grandes empresas como o Google e a Basecamp postam projetos no site, então vale a pena conhecer a plataforma.

9. Designhill

Site de freelancer Designhill

O Designhill é mais um marketplace que um site de anúncios de vaga. A plataforma promete liberdade criativa para designers freelancers – além de encontrar trabalho, você pode construir sua própria marca também.

Usuários podem usar os serviços de impressão da Designhill para vender produtos estampados com suas criações para empresas e pessoas físicas. Quem procura projetos de curto prazo e longo prazo pode se inscrever nos concursos que a plataforma promove.

Muitos designers evitam postar suas criações em plataformas abertas por medo que o trabalho seja copiado e reproduzido sem créditos. Nessa questão, o Designhill oferece apoio para evitar que as criações sejam roubadas.

Além disso, produtos estampados são uma ótima forma de divulgar seu trabalho em todo canto do mundo.

10. Behance

Site de freelancer Behance

Os designers têm muitas opções de sites para trabalhar como freelancer. O Behance faz parte do Adobe e é uma plataforma incrível para mostrar seu trabalho criativo.

O site permite que os usuários criem portfólios e não limita o número de trabalhos que podem ser postados. Parecido com as redes sociais, os designers podem seguir uns aos outros, se parabenizar e visualizar uma quantidade ilimitada de peças.

Porém, se você procura uma lista enorme de vagas, o Behance não é o melhor site de freelancer para você. Mesmo que existam alguns projetos pagos sendo exibidos, a plataforma serve mais como uma vitrine para mostrar seu trabalho para o mundo.

11. GetNinjas

Site de freelancer GetNinjas

É freelancer, mas não quer trabalhar com projetos digitais? O GetNinjas é uma plataforma onde você pode se cadastrar e divulgar seus serviços.

Aberto a vários tipos de profissionais – encanadores, eletricistas, professores particulares, alfaiates, etc –, os freelancers podem postar quais serviços oferecem, qual região do país atendem e esperar que os clientes entrem em contato.

Se você decidir anunciar seu trabalho no GetNinjas, fique atento às suas avaliações na plataforma. Feedbacks positivos de clientes vão turbinar sua visibilidade na plataforma e ajudar você a ganhar dinheiro.

12. Dribbble

Site de freelancer Dribble

Atenção, designers! Temos outra indicação de site de freelancer para vocês.

Mais que apenas uma plataforma para encontrar vagas, o Dribble também ajuda profissionais criativos a trabalharem em tempo integral como designers. Você pode assinar o pacote Pro pagando 5 dólares por mês e aperfeiçoar seu perfil.

Os freelancers podem criar um projeto gratuitamente todo mês, ou simplesmente usar a plataforma para entrar em contato com experts, colegas e futuros clientes.

13. Rock Content

Site de freelancer Rock Content

Se sua especialidade não é criar peças gráficas, mas escrever, a Rock Content é uma ótima fonte de trabalho freelancer para você. A plataforma contrata redatores e revisores para criar conteúdo para as campanhas de marketing digital de seus clientes.

Para ser aprovado e começar a receber projetos, você deve ser aprovado no curso gratuito sobre redação web que a própria plataforma oferece. Além disso, o site exige que os freelancers tenham um CNPJ ou MEI e emitam nota fiscal.

Depois que a tarefa for entregue, os revisores, supervisores e clientes vão avaliar seu texto. Se você fizer um ótimo trabalho, poderá ser incluído no grupo de freelancers favoritos daquele projeto – e essa é uma boa forma de garantir que você será recontratado para novas tarefas.

14. 99freelas

Site de freelancer 99frelas

O 99freelas é uma plataforma gratuita e fácil de usar para encontrar trabalhos como freelancer. Você pode criar um perfil em questão de minutos e já começar a se candidatas às vagas, sem passar por triagens e processos seletivos antes.

O freelancer paga para a plataforma no mínimo R$5 e no máximo 15% do valor total da tarefa. Se o trabalho for feito no prazo e tiver boa qualidade, a 99frelas garante o pagamento, evitando que o freelancer caia em golpes.

Feita especialmente para o público brasileiro, a plataforma é uma ótima opção para quem produz conteúdo digital  – textos, aperfeiçoamento SEO, logotipos, ilustrações, vídeos, etc – apenas em português.

15. Preply

Site de freelancer Preply

O Preply é um site que conecta professores de idiomas a alunos interessados em aulas particulares.

A plataforma aceita inscrições tanto de professores profissionais quanto de falantes nativos dispostos a ajudar outras pessoas a alcançarem a fluência.

Os freeancers precisam se inscrever e passar por uma triagem. Ao serem aceitos, devem criar um perfil se apresentando aos alunos em potencial e definir uma agenda de datas e horários disponíveis. O professor pode estabelecer seu próprio preço, e a plataforma cobra uma comissão por cada aula dada.

16. Superprof

Site de freelancer Superprof

O Superprof é a opção ideal para você que gostou da dica acima, quer começar a dar aulas particulares, mas sua área de domínio são outras disciplinas além das línguas estrangeiras.

Professores de diversas áreas do conhecimento – redação, música, matemática, filosofia, alongamento, costura, canto, e tudo mais que você puder imaginar – podem estabelecer os próprios preços e oferecer aulas pela plataforma.

Diferente de outros sites de freelancer onde o empregador posta a vaga e os freelas se candidatam, no Superprof são os clientes que entram em contato com os profissionais.

O método de ensino, a modalidade (EaD ou presencial) e os horários são combinados entre professor e aluno.

17. AngelList 

Site de freelancer AngelList

Os freelancers podem ser muito influentes no sucesso de um negócio – você não precisa ser um empregado permanente para causar um impacto real na empresa. Conheça as vagas do AngelList.

A plataforma gira em torno de startups internacionais. Pelo site, você pode trabalhar como freela em uma startup e até mesmo investir em uma dessas empresas.

Se você é um profissional dinâmico, fluente em inglês e trabalha com desenvolvimento web, engenharia de software ou growth marketing, o AngelList tem muitas oportunidades para você.

18. DesignCrowd

Site de freelancer DesignCrowd

Não é todo mundo que se dá bem com plataformas de crowdsourcing (que usam a pequena contribuição de várias pessoas para completar um único projeto), mas eles são uma boas opções de sites para trabalhar como freelancer e encontrar trabalhos temporários.

O DesignCrowd cobre diversas áreas do design, incluindo marketing digital e design de aplicativos. Os empregadores podem filtrar por localização ou área do conhecimento para encontrar o freela certo para o projeto.

A plataforma é competitiva e, para se destacar, é preciso se esforçar – afinal, a finalidade do site é oferecer muitas opções ao empregador. Por isso, para conseguir fechar parcerias, você vai precisar fazer uma oferta melhor que os outros freelancers.

19. FlexJobs

Site de freelancer FlexJobs

A flexibilidade é uma das maiores vantagens do trabalho freelance. Ao invés de precisar se deslocar para um escritório todos os dias da semana, você pode trabalhar onde quiser.

O FlexJobs é 100% focado em oferecer trabalho remoto e flexível para freelancers de qualquer parte do mundo. Há vagas (principalmente focadas em tradução) exclusivas para falantes fluentes de português brasileiro. Mas fazer parte da comunidade custa caro: o preço (sem descontos) da anuidade é de 360 dólares.

Mas como preço vem segurança. As taxas de anuidade para membros cobrem os custos de avaliar empregadores. Assim, a plataforma consegue aceitar que apenas os melhores projetos sejam divulgados no site.

20. Aquent

Site de freelancer Aquent

Esse sofisticado site para freelancers se orgulha em oferecer ótimo atendimento e garantir que tanto empregadores quanto freelas encontrem a proposta perfeita.

Mesmo oferecendo oportunidades para várias profissões – do web design ao gerente financeiro –, o Aquent ajuda a dar destaque a freelancers de áreas criativas.

O Aquent’s Book é um mecanismo de busca interno do site. Ele usa inteligência artificial para escanear o portfólio dos freelancers, detectar o que está sendo ilustrado nas peças gráficas e criar tags automaticamente. Assim, os recrutadores certos poderão encontrar seu perfil.

21. Meu Redator

Site de freelancer Meu Redator

Esse é um site de freelancer específico para redatores. A plataforma é contratada por empresas que precisam de conteúdo com SEO aprimorado para blogs e sites institucionais. Esses textos são então atribuídos a freelancers cadastrados e ativos na plataforma.

Para fazer parte da comunidade de profissionais do site, é necessário preencher um cadastro e fazer um curso sobre redação web.Depois de ser aprovado, o freelancer deve completar seu perfil, incluindo a postagem de um texto da sua autoria –assim os empregadores podem conhecer seu estilo e suas habilidades.

Existem muitos redatores cadastrados no site. Além de ter um perfil atrativo, para concorrer às vagas de forma competitiva é necessário se candidatar às vagas em tempo hábil. Para isso, você terá que se manter atento aos projetos que são postados diariamente.

22. YunoJuno

Site de freelancer YunoJuno

Com sede no Reino Unido, essa é uma plataforma para freelancers que preza por apoiar os profissionais e garantir que eles sejam pagos o valor combinado pelo trabalho. O site foi criado para publicar vagas em diversas áreas do conhecimento, mas tende a concentrar projetos nas criativas.

O YunoJuno gerencia as faturas e pagamentos no lugar dos freelancers, garantindo que sejam pagos em até 14 dias após a entrega da tarefa. Afinal de contas, ninguém gosta de ter que ficar cobrando o cliente no fim do projeto.

O site também permite que empresas criem listas de freelancers favoritos. Assim, se você fez um bom trabalho no projeto anterior, há mais chance de ser contratado novamente pela mesma marca.

Com vagas e projetos negociados e realizados em inglês, o YunoJuno é perfeito para quem quer solidificar o portfólio internacional.

23. Authentic Jobs

Site de freelancer Authentic Jobs

O Authentic Jobs é um site de freelancer objetivo – assim que você entra na plataforma, vai ver uma lista de oportunidades e vagas. Também é muito fácil filtrar pelas suas preferências.

E as oportunidades listadas podem ser ótimas. O site já anunciou vagas de grandes marcas como a Tesla e a Apple para desenvolvedores, designers e analistas freelancers. É sua chance de construir um portfólio repleto de grandes nomes.

Os empregadores têm que pagar, pelo menos, 149 dólares por mês para anunciar vagas no Authentic Jobs. Então você pode ficar despreocupado ao saber que as vagas são reais.

24. Nexxt

Site de freelancer Nexxt

Já se foi a época em que os recrutadores ficavam horas lendo currículos – o Nexxt usa tecnologia para conectar empregadores e freelancers com base nas informações de perfil e dados sobre comportamento humano.

Qualquer freelancer pode procurar oportunidades e se candidatar a vagas no site. Encontrar o projeto perfeito não deve ser difícil, já que a plataforma se esforça muito para criar um processo de recrutamento otimizado.

Mesmo que o site seja gratuito e fácil de usar, para ter sucesso se candidatando às vagas você precisa ser consistente. Você precisa estar visível e destacado quando os empregadores buscarem freelancers na plataforma.

Escrito por

Avatar do autor

Jeisy Monteiro

Jeisy é dedicada a pesquisar e escrever sobre como pequenos e médios negócios podem crescer na internet de forma sustentável. Ela publica sobre criação de sites, empreendedorismo digital, tecnologia e e-commerce no blog do Zyro. No tempo livre, coleciona cassettes.

Faça parte da conversa

Seu email não será publicado. É obrigatório preencher todos os campos.