Apenas por Tempo Limitado - Economize até 69 %

02

:

dias

03

:

horas

54

:

minutos

44

segundos

Blog do Zyro

Todos os tópicos
Blog de e-Commerce Design Dicas para Pequenas Empresas Essenciais Ideias de Negócio Insights do Zyro Inspiração Marketing Novidades do Zyro

Comprei Um Domínio, e Agora?

Comprei um domínio, e agora? Blog do Zyro

Você está colocando seu projeto na internet e se pegou pensando “comprei um domínio, e agora? O que fazer com ele?”

Se esta é a sua primeira experiência comprando um nome de domínio, é totalmente normal se sentir um pouco perdido.

Estamos aqui para ajudar você a tirar sua ideia do papel. Para isso, vamos explicar todo o processo – do registro do domínio e hospedagem do site à análise de dados sobre o crescimento das suas páginas.

Resumo

Se você está criando seu primeiro site, saber o que fazer depois de comprar um domínio pode parecer um mistério à primeira vista.

Ter um domínio marcante é um dos primeiro passos da sua jornada de sucesso na internet. Ele é fundamental para a construção da sua marca, criação do seu endereço de email profissional, aumento das visitas do seu site e otimização das suas redes sociais.

Para começar a usar seu domínio a favor do seu negócio, estes são os passos que você deve seguir (vamos explicar todos eles neste texto):

  1. Escolher um serviço de hospedagem
  2. Criar um site, blog ou loja virtual
  3. Criar um endereço de email personalizado
  4. Desenvolver uma marca para sua empresa
  5. Use os nomes de usuário ideais nas redes sociais
  6. Monitorar o crescimento do site
  7. Vender o domínio (a longo prazo)
Pessoa usando tablet, fundo branco

1. Conecte o domínio a um serviço de hospedagem

Agora que você é o dono de um domínio novo em folha, deve estar ansioso para colocá-lo em uso e criar um site.

Se esse for seu objetivo, um dos primeiros passos deve ser conectar o domínio a um serviço de hospedagem.

Hospedagem é o aluguel de espaço no servidor onde serão armazenados todos as páginas que você criar sob aquele domínio. Pequeno e microempreendedores geralmente não hospedam seus próprios sites, preferindo contratar empresas especializadas (de preferência, empresas com ótimo serviço de suporte) para manter as páginas funcionando.

Primeiro, você deve encontrar um provedor de hospedagem que ofereça planos com preços justos. Não se esqueça: se você quer que seu site e seu negócio cresçam, você vai precisar de um plano de hospedagem que seja capaz de acomodar suas páginas mesmo quando a demanda aumentar.

Os melhores provedores de hospedagem e construtores de site oferecem um processo de conexão de domínio bem descomplicado. Nesses casos, é isto que você precisa fazer para conectar seu domínio à hospedagem:

  • Você só precisa entrar no painel de controle;
  • Procurar a seção de conexão de domínio ou transferência de domínio;
  • Lá, você será convidado a digitar o domínio que comprou e as informações relativas a ele.
  • Se você estiver usando uma ferramenta de alta qualidade como o Zyro, o processo já vai estar finalizado e você poderá seguir em frente e trabalhar em tarefas mais importantes.

A empresa de hospedagem pode precisar de um tempo para conectar completamente seu domínio aos servidores, mas isso não vai impedir que você continue trabalhando no seu site enquanto o domínio é conectado.

Sua hospedagem deve incluir proteção SSL para manter seus dados criptografados e em segurança.

O processo é descomplicado.

2. Crie um site, blog ou loja virtual

Ter um site permite que as pessoas descubram você e sua empresa. E você vai precisar de um domínio para publicar seu site.

Seu site não precisa ser complexo. Ele pode ser uma landing page onde você compartilha informações sobre sua empresa para atrair novos clientes e divulgar sua marca. Ele também pode ser um blog com informações sobre os bastidores e novidades sobre seu negócio. Ou ele pode ser uma loja virtual completa onde você vende produtos e serviços direto aos clientes.

Se você escolheu um domínio marcante, as pessoas vão ter mais facilidade em lembrar do endereço do seu site – e o email da sua empresa também vai ser mais fácil de compartilhar. Isso aumenta sua chance de atrair tráfego orgânico e fortalece a sua marca.

Se você quer conectar seu site ao seu negócio, a melhor estratégia é escolher um domínio parecido (ou idêntico) ao nome da sua empresa. Por exemplo, veja o exemplo do zyro.com – fica bem claro para o público qual empresa está por trás desse domínio.

Quando for criar seu site, blog ou loja virtual, você tem algumas opções:

  • Escrever o código do site do zero. Isso exige tempo e você deve ser fluente em alguma linguagem de programação.
  • Contratar um desenvolvedor. Essa opção é demorada e pode custar muito dinheiro.
  • Usar um construtor de sites. É a escolha perfeita para quem não tem experiência com criação de sites ou programação. Também é muito mais rápido e barato – você só precisa escolher um template, personalizar e adicionar seu conteúdo.

Recomendamos que você use um construtor de sites se essa for a sua primeira vez criando um site.

O motivo?

Veja o que um bom construtor de sites oferece:

  • Templates criados por designers profissionais que servem a vários tipos de sites – lojas virtuais, blogs, portfólios, landing pages, e muitos outros.
  • Tudo que você precisa em um só lugar. Você não vai precisar se preocupar em contratar hospedagem, armazenamento e comprar certificados SSL, porque o construtor já vem com tudo incluso.
  • Otimização para dispositivos móveis. Tenha um site que funciona perfeitamente em telas de qualquer tamanho.

Usando um construtor de sites você só precisa encontrar um template e personalizar para que ele combine com sua marca. É uma forma fácil, simples e fácil de publicar seu site.

Símbolo de arroba laranja com fundo cinza

3. Crie um endereço de email personalizado

Uma das maiores vantagens de ter um dome de domínio personalizado é que, com ele, seu negócio mostra mais profissionalismo. Personalizando seu email de contato, o público tende a considerar sua empresa muito mais confiável.

Por isso, assim que seu site estiver criado e hospedado, o próximo passo é criar um endereço de email customizado.

Você pode fazer isso conectando um serviço de email ao seu domínio. Por exemplo, você vai poder criar emails assim:

seunome@nomedasuaempresa.com

Isso é ainda mais importante se você quiser ter uma loja virtual e enviar emails pra os clientes sobre o andamento dos pedidos.

Um email customizado também é útil para divulgar sua marca em campanhas de email marketing.

Dica 💡: Está criando um email para entrar em contato com clientes? Não precisa ser formal demais. Opte por um endereço como “oi@seudominio.com” ou “ajuda@seudominio.com”. Essas são opções fáceis de lembrar e marcantes.

Além de ser um meio de comunicação eficiente, o email customizado pode ajudar você a conquistar a confiança do público no longo prazo.

Ele também turbina a credibilidade da sua marca, aumenta a taxa de abertura de emails e, como consequência disso, alavanca sua taxa de conversão. Até alguns anos atrás, era possível usar um email convencional para conversar com clientes, mas agora os provedores de email ficaram mais sofisticados – e os clientes ficaram mais exigentes.

No início da empresa, você pode até trabalhar com um email @hotmail ou @gmail. Mas, quando seu negócio crescer e você começar a criar campanhas de email marketing, por exemplo, esse tipo de email pode acabar fazendo suas mensagens irem parar na caixa de spam dos clientes.

E, considerando que mais de 14,5 bilhões de emails-spam são enviados por dia no mundo, ter um endereço único e personalizado pode diminuir a chance das suas mensagens irem parar na lixeira dos destinatários.

Se você gerencia sua loja virtual com o Zyro, criar um email profissional personalizado é muito fácil e não vai te custar um centavo a mais sequer. Com apenas alguns cliques, você vai conseguir conectar seu endereço customizado aos seus perfis nas redes sociais e começar campanhas de marketing.

Com o Zyro você também vai poder migrar todas as mensagens e histórico da sua caixa de entrada antiga para seu novo email personalizado. Assim, você não vai perder nenhuma conversa.

4. Turbine a presença da sua marca

Sua marca é o que diferencia você dos seus competidores e permite que os clientes reconheçam sua empresa. No mercado atual, construir uma marca é indispensável para ter sucesso na internet.

Com uma marca bem estabelecida, os clientes vão passar a pesquisar diretamente pelo nome da sua empresa no Google, ao invés de encontrar você entre outros resultados de busca genéricos.

E, já que os nomes de domínio geralmente representam empresas, ter um domínio personalizado significa estar um passo mais próximo de ter uma marca reconhecida pelo público.

Se você leva o branding a sério, então é necessário investir tempo e esforço para associar o nome da sua marca aos produtos e serviços que você vende. Estas são algumas estratégias que podem ajudar:

  • Produzir conteúdo de alta qualidade. Nunca subestime o valor de associar seu domínio a conteúdos de alta qualidade. Dando aos visitantes um motivo para voltar ao seu site, você pode atrair ainda mais tráfego para suas páginas. E não estamos falando só de textos no blog – você pode produzir conteúdo em vídeo e em outros formatos também.
  • Desenvolver todos os elementos da sua marca. Você precisa que seu domínio e o visual do site combinem com a personalidade da marca. Ter um logo marcante, um slogan e uma história por trás da sua empresa faz você se destacar no mercado.
  • Priorizar o SEO. Anos atrás, aprimorar o branding de uma marca não envolvia muitas dimensões. Mas, hoje em dia, otimizar seu site para SEO é uma das melhores formas de atrair tráfego orgânico e aumentar sua chance de aparecer entre os primeiros resultados nas pesquisas.
  • Construir uma base de seguidores fieis. Quando mais pessoas conhecerem seu domínio e tiverem interesse no seu site, melhor será o desempenho do seu negócio na internet. Ter seguidores fieis pode ajudar seu site a crescer mais rápido. Para conquistar fãs, você vai precisar interagir e engajar seu público regularmente.
  • Manter uma boa reputação. Manter uma ótima reputação é uma etapa vital da estratégia de construção de qualquer marca, além de ajudar sua empresa a conquistar a confiança do público.
iPhone mostrando apps de redes sociais na tela

5. Use os nomes de usuário ideais nas redes sociais

Agora você já sabe que precisa de um provedor confiável de hospedagem, um site bonito, landing pages eficazes e uma estratégia de criação de marca. O próximo item da nossa lista do que fazer depois de comprar um domínio é registrar os nomes de usuário ideais nas redes sociais.

Sua marca precisa ser fácil de lembrar e mostrar que é confiável para os clientes que a encontrarem na internet.

Independente das plataformas onde você escolher criar perfis para sua empresa, lembre-se que a mensagem e visual da sua marca precisa ser uniforme em todos os canais.

O ideal é que o seu nome de usuário nas redes sociais seja o mais parecido possível com seu domínio. Porém, eles não precisam ser idênticos: às vezes precisamos incluir letras, símbolos ou números aos nomes de usuários.

É crucial ter nomes de usuário que combinem com o nome da sua empresa e com seu domínio. Além de facilitar que seus clientes encontrem seu perfil, assim vai fazer mais sentido incluir o nome do seu perfil no site, nos emails e até nos cartões-de-visita.

A primeira coisa que você precisa fazer é criar contas nas redes sociais que planeja usar para divulgar sua empresa.

Se você não tem tempo para criar uma estratégia de marketing para redes sociais agora, apenas crie uma conta com seu endereço de email personalizado para assegurar que o nome de perfil ideal não seja registrado por outras pessoas. Depois, volte para criar conteúdo.

As redes sociais escolhidas vão depender do tipo de negócio que você tem e de qual é o seu público-alvo. Mantenha em mente que é provável que certas plataformas tragam mais resultados que outras.

Leitura recomendada: Como Escolher um Nome de Domínio?

6. Monitore o crescimento do seu site

Nesta etapa, você já vai ter passado da fase de se perguntar “comprei um domínio, e agora?” e chegado no ponto de ter um site que gera resultados. Então é essencial que você aprenda a acompanhar o desempenho e o número de visitas das suas páginas.

Você pode fazer isso facilmente usando ferramentas de análise de dados como o Google Analytics or Google Search Console. Elas são gratuitas e geram dados preciosos que pode ajudar você a fazer escolhas melhores na jornada de crescimento do seu negócio.

E já que esses dados são tão importantes para decidir a direção que sua empresa vai tomar, qual será o foco da sua marca e qual será o melhor provedor de hospedagem para seu site, vale a pena investir um tempinho para aprender como usar ferramentas como o Google Analytics.

Os tipos de informações que ele produz incluem: desempenho individual das suas páginas, hábitos de navegação dos usuários dentro do seu site e segmentação de público.

Estas são algumas métricas que você deve acompanhar para manter seu site crescendo:

  • Conferir regularmente as partes técnicas do seu site que impactam no seu SEO (isso vai ajudar seu site a conquistar uma boa colocação nos resultados de pesquisa).
  • Aumentar a velocidade do seu site (você vai perder visitantes se suas páginas demorarem muito para carregar).
  • Aprimorar a experiência do usuário e a facilidade de uso (fique de olho para corrigir erros nas páginas e links quebrados).
  • Oferecer conteúdo novo e relevante para o tipo de pessoa que você quer atrair. Você pode criar conteúdo em texto no blog, em vídeo, em formato de podcast, etc.
  • Garantir que seu site seja 100% seguro, incluindo usar criptografia SSL atualizada.
  • Atualizar ou deletar conteúdos antigos que já não são relevantes, verdadeiros ou úteis hoje em dia.
  • Checar se sua hospedagem está funcionando corretamente e atendendo às necessidades do seu site. Não tenha receio de mudar de provedor se você achar que sua empresa de hospedagem atual já não consegue oferecer o que seu site precisa.
Jarra entornando moedas sobre a mesa

7. Venda seu domínio

Sabemos que você investiu muito tempo e esforço pára comprar seu domínio, contratar hospedagem e construir um belo site para divulgar sua empresa. Mas, em algum momento no futuro, pode ser que você queira vender seu domínio.

Saiba que alguns nomes de domínio valem milhões de dólares. É sério.

Para algumas pessoas, lucrar comprando um ou dois domínios e os vendendo depois de alguns anos é um hobby – para outras é literalmente um negócio. Tem gente que consegue ganhar a vida comprando, valorizando e vendendo domínios.

Pode ser que você adquira um nome em um momento de inspiração às 2 da manhã e na manhã seguinte bata o desespero – “comprei um domínio, e agora? Não sei o que fazer com ele!”

Se isso acontecer, não se sinta desesperado. Há chance de alguém querer comprar o domínio de você. Especialmente se o domínio tiver apenas uma palavra ou uma frase conhecida, geralmente você não terá problemas em revendê-lo.

Use plataformas de leilão para revender seus domínios. Geralmente você só precisa de um email para criar uma conta nesses sites.

Há muito o que fazer depois de comprar um domínio. Mesmo que você descubra que aquele domínio não vai ser útil para seus projetos, ele pode acabar rendendo lucro para você.

Escrito por

Avatar do autor

Jeisy Monteiro

Jeisy é dedicada a pesquisar e escrever sobre como pequenos e médios negócios podem crescer na internet de forma sustentável. Ela publica sobre criação de sites, empreendedorismo digital, tecnologia e e-commerce no blog do Zyro. No tempo livre, coleciona cassettes.

Faça parte da conversa

Seu email não será publicado. É obrigatório preencher todos os campos.